sexta-feira, 9 de setembro de 2011

PM irá desativar postos da Operação Manzuá.

O Comando da Polícia Militar da Paraíba vai mudar o sistema de trabalho de barreiras nas estradas do estado. A Operação Manzuá, em funcionamento desde o governo Tarcísio de Miranda Burity, será desativada nesta segunda-feira, dia 12, e em seu lugar irá atuar a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) com um efetivo de 523 policiais. De acordo com o comandante da PM no Estado, coronel Euller Chaves, não apenas a nomenclatura será mudada, mas principalmente a forma de atuação, passando de um estado estático para uma operação móvel. Ele disse que o modelo da Operação Manzuá, com seus pontos fixos nas saídas e entradas das cidades, está ultrapassado.

O coronel afirmou ainda que um levantamento foi feito pela PM, no qual foi constatado falta de bons resultados nos pontos de bloqueios da Manzuá, fato este que levou o governo a pensar numa nova meta de trabalho. "Os bandidos sabem onde estão os postos da Manzuá, as estatísticas não apontam êxito, os bandidos continuam furando as barreiras e, por isso, nós vamos mudar".

Euler asseverou que a PRE terá uma corporação própria, ficando em Campina Grande, sob a responsabilidade da CPTran - Companhia de Policiamento de Trânsito, a qual contará com mais de 100 homens à disposição, para o trabalho nas estradas que cortam a região da Rainha da Borborema. Ele acredita que mais de 30 postos da PM serão desativados em todo o Estado. Com o novo sistema de trabalho, haverá mobilidade e bloqueios da polícia em pontos inesperados das vias, o que deixará os bandidos na incerteza dos locais e nas formas das abordagens.




Fonte: Diário da Borborema



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...