sábado, 25 de fevereiro de 2012

Alunos da zona rural de Cacimbas ficam impedidos de estudar por falta de transporte

Quase metade dos 312 alunos, matriculados este ano de (2012), na Escola Estadual Pedro Terto da Cunha em Cacimbas interior do sertão paraibano são da zona rural e precisam fazer uso de transportes auto motorizados para se deslocarem até a referida escola.

Cerca de 140 estudantes de 23 comunidades estão sem poder estudar. Na última terça feira (21/02), o secretário de educação de Cacimbas, o Senhor Antônio Marcos, anunciou que o governo do estado deixou de repassar os recursos referentes a o convênio firmado com a prefeitura, por conta do impasse não teria como o município arcar com as despesas da esfera estadual.

“Todos os anos a prefeitura garante o transporte escolar para os alunos estudarem tanto nas escolas do estado, quanto na rede municipal, mas, até o presente momento não dispomos de recursos para essa finalidade”, justificou o Secretário.

Júnior Barros diretor da escola Estadual, pediu tranquilidade por parte dos alunos e familiares e prometeu ir a João Pessoa na próxima segunda feira (27/02) falar com Alexandre Lemos, responsável pelo setor de transportes no estado para juntos encontrarem uma solução o mais rápido possível.

“Peço que os gestores municipais tenham bom senso com essa causa que é humilhante, os alunos quererem estudar e serem impedidos por falta de transportes, se isso for por questão política é uma falta de respeito e de educação para com os estudantes” argumentou o Diretor.

Júnior disse que os alunos não podem ficar prejudicados, e caso não haja interesse por parte da prefeitura em renovar o convênio com o governo do estado, ele irá buscar apoio para manter e garantir os transportes para os alunos matriculados na escola estadual.

Enquanto a situação não se resolve, pais e alunos aguardam ansiosos por uma solução e acreditam que há uma “luz no fim do túnel” para o problema. Por conta da semana pedagógica e do feriado de carnaval, o ano letivo 2012 em Cacimbas, teve início na última quinta feira (23/02) alguns alunos utilizaram motocicletas para se locomoverem até a escola outros estudantes estão há dois dias sem assistir as aulas.


Fonte: Mais Patos



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...