quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

DEU NO UOL: Estudantes da PB reivindicam autoria do sucesso mundial do momento "Se Eu Te Pego" Veja o vídeo!

Autora de “Ai, Se Eu Te Pego” em parceria com Antônio Dyggs, Sharon Acioly está sendo acusada de plágio por três estudantes de João Pessoa, na Paraíba. As amigas afirmam ter criado o refrão do “hit mundial estrondante”, como Sharon definiu, mais conhecido na voz do sertanejo Michel Teló.

Amanda Cruz, Aline Medeiros da Fonseca e Karine Assis Vinagre alegam ter como prova um vídeo em que Sharon Acioly apresenta a canção como “composição das minhas três backing vocals de João Pessoa” no Axé Moi, bar de Porto Seguro onde ela trabalha como animadora. “Temos também como prova e-mails trocados com ela, em que ela pede autorização para usar a música”, afirma Amanda Cruz em entrevista ao UOL.

A estudante da Unipê diz que em nenhum momento Sharon Acioly falou sobre divisão de lucros. “Anteriormente ela citava nosso nome, fala das ‘meninas de João Pessoa’. Agora em todos os lugares que ela vai, entrevistas na televisão, ela não cita nosso nome em nenhum momento”.

De acordo com Amanda, o refrão “Nossa, nossa, assim você me mata, ai se eu te pego, delícia” foi criado por sete amigas que dividiam o mesmo quarto em uma viagem à Disney, em 2006. A canção foi feita para um guia turístico e virou uma brincadeira entre as garotas, que desde então a cantavam quando estavam reunidas.

Foi em outra viagem, desta vez para Porto Seguro, Bahia, em uma comemoração de formatura de escola, que Sharon Acioly tomou conhecimento de “Ai, Se Eu Te Pego”. Amanda diz que não estava presente nessa viagem, mas relata que Sharon convidou as colegas para cantar no palco do Axé Moi. “Aí a música fez sucesso, fizeram até camiseta no ano seguinte. Mas só foi estourar agora com o Michel Teló”.

A estudante esclarece que, apesar das sete garotas serem responsáveis pela composição do refrão, apenas três têm intenção de entrar com um processo judicial.

Procurada pela reportagem do UOL, Sharon Acioly disse que não pode comentar o assunto. A assessoria da autora da “Dança do Quadrado” disse que “as questões estão sendo resolvidas com o advogado” e só depois poderão ser divulgadas para a imprensa.


Assista ao video abaixo










Fonte: UOL



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...