sábado, 25 de fevereiro de 2012

Professores cobram aumento salarial no Município de Patos. Categoria ameaça greve

O SINFEMP- Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região tem audiência marcada com o prefeito Nabor Wanderley e o Secretário de Educação José Francisco de Sousa (Zeca) para a próxima segunda-feira 27, onde será discutido o aumento salarial para a categoria.

O SINFEMP preparou três tabelas de aumento salarial, sendo uma com 22,23% (custo aluno ano 2012), outras com 25%, 27% e 30% para serem discutidas na referida audiência, que com a aplicação desses percentuais, chega ao piso de R$ 1.450,00 retroativo a 1º de janeiro de 2012, mantendo as 25 horas semanais.

Os professores aposentados por tempo de serviço e idade terão direito ao mesmo aumento salarial. Já os professores que se aposentaram por invalidez têm direito apenas ao percentual de 6,08%, mas ano passado tiveram 10% de aumento e a luta vai ser no sentido de ser concedido o mesmo percentual de aumento dado aos ativos.

As auxiliares de serviços, merendeiras, vigias das escolas e creches, o sindicato está propondo o salário de R$ 700,00 e os técnicos administrativos o salário de R$ 900,00. Para os motoristas, a proposta é de dois salários mínimos.

No próximo dia 2 de março, na sexta-feira, a partir das 16h será realizada assembleia geral com todos os professores e demais servidores da educação, onde será apresentada a contraproposta da prefeitura municipal de Patos.

Para o presidente do SINFEMP, José Gonçalves, a categoria precisa se manter organizada e mobilizada para lutar pelos seus direitos, mas espera que o prefeito Nabor Wanderley apresente uma proposta concreta para o aumento salarial retroativo a 1º de janeiro de 2012. “Ao longo dos últimos sete anos conseguimos 141% de aumento salarial e acredito que no último ano de mandato o prefeito apresente uma proposta melhor do que nos anos anteriores, não apenas para os professores ativos e aposentados, mas também para as auxiliares de serviços, merendeiras, vigias, motoristas e técnicos administrativos, dentre outros servidores”, frisou Gonçalves.

No dia 28 será realizada a audiência para discutir o aumento salarial para os servidores da saúde e no dia 29 para os demais servidores públicos municipais.




Fonte: Marcos Nascimento



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...