sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Meteorologista afirma que 2016 será um ano de grande seca, que poderá ser comparada a seca de 1958

O Jornal cajazeirense Gazeta do Alto Piranhas, na sua edição desta sexta-feira (25), traz uma reportagem de capa, com informações do renomado meteorologista Luis Carlos Molion prevendo, com base em seus estudos, uma grande seca para 2016, cujos efeitos poderão ser comparados ao da grande seca de 1958.

Suas avaliações são feitas com base no “El Nino”, que é o aquecimento das águas do oceano Pacífico, fato que reduz a quantidade de chuvas na região e, segundo ele, o inverno do próximo ano será mais seco e com menos chuvas do que nos últimos anos.

De acordo com Molion, para o sertão da Paraíba o ano de 2016 deverá ser o mais seco deste longo período de estiagem que já dura cinco anos, com efeitos devastadores na economia da região.

Conforme os estudos feitos, as chuvas na região deverão ficarão bem abaixo da média. Em Cajazeiras, por exemplo, a previsão é que as chuvas atinjam apenas 359 mm, quando a média de chuvas, em invernos normais, é de 881 milímetros.


Fonte Edjamilton Pereira



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...