quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Padrasto é preso suspeito de estuprar a própria enteada, de nove anos, na Paraíba

De acordo com a delegada da Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Infância e Juventude de Campina Grande, Alba Tânia, os abusos aconteciam durante a noite, quando a criança se preparava para dormir

Um homem de 66 anos de idade foi preso, na manhã desta quarta-feira (18), suspeito de estuprar a própria enteada, de nove anos. O crime, que era praticado dentro da casa da família, no bairro do Mutirão, em Campina Grande, estaria acontecendo há quase um ano e, inclusive, com conhecimento da mãe da menina, que teria flagrado um dos abusos, mas apenas reclamado com o suspeito.


De acordo com a delegada da Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Infância e Juventude de Campina Grande, Alba Tânia, os abusos aconteciam durante a noite, quando a criança se preparava para dormir.

“A menina nos contou que os abusos aconteciam desde dezembro do ano passado, quando o padrasto ficava nu na frente dela. Com base nisso, continuamos conversando com a criança, que nos contou que o padrasto aproveitava o momento de dormir para se aproximar e acariciar as partes íntimas dela”, disse a delegada.

Ainda conforme a delegada, a menina relatou que a mãe flagrou um dos abusos, mas apenas reclamou com o companheiro e pediu para que ele não cometesse mais o ato.

Ao prestar depoimento, o suspeito negou para a delegada a prática dos crimes. Em posse das provas, a delegada solicitou a prisão preventiva do homem. “Solicitamos e foi cumprida a prisão na manhã desta quarta. A menina passou por exames, mas foi descartada a conjunção carnal. Agora, vamos dar prosseguimento ao processo na Justiça”, concluiu a delegada Alba Tânia.

Fonte Portal Correio


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...