terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Chuva abre buraco, derruba árvores e moradores ainda 'pescam' peixes nas ruas de JP; vídeo

A madrugada desta terça-feira (29) foi de chuva e alguns transtornos já começaram a ser verificados em João Pessoa. Segundo o coordenador da Defesa Civil Municipal, Noé Estrela, o órgão recebeu denúncias de quedas de árvores, deslizamento de barreira e abertura de cratera em asfalto. Nenhuma das ocorrências deixou feridos. Peixes da Lagoa, do Centro da cidade, foram levados para o asfalto e um vídeo mostra moradores 'pescando' na rua.

Uma árvore caiu na Rua Ivanice Martins Câmara, no bairro do Bessa, próximo ao supermercado Pão de Açúcar. Segundo a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) a via ficou obstruída. Agentes da Semob e do Corpo do Bombeiros foram enviados até o local.

Outra árvore caiu no bairro do Castelo Branco, nas proximidades do quilômetro 19 da BR-230. Para o coordenador da Defesa Civil de João Pessoa, as quedas das árvores deve ter relação com as fortes chuvas registradas na Capital durante a noite dessa segunda (28) e madrugada desta terça-feira (29).

No bairro do Varadouro, parte do asfalto cedeu e moradores relatam a saída de muita água da cratera. Peixes da Lagoa do Parque Solon de Lucena foram parar no asfalto junto com a água.

“Choveu 88,8 milímetros em João Pessoa em menos de 24 horas e a galeria não suportou o volume de água. Isso já é esperado, qualquer cidade do mundo enfrentaria problemas numa situação como essa. Mas é importante tranquilizar a população e destacar que não houve nenhuma ocorrência grave”, ressaltou Noé Estrela.

Ainda conforme Noé Estrela, a Defesa Civil também apura um caso de deslizamento em barreira situada entre os bairros de Mangabeira e Valentina. “Não foi nada grave, ninguém ficou ferido. Mas estamos mandando equipes para o local. A Defesa Civil está nas ruas e a população pode entrar em contato conosco através do 0800 285 9020”, completou.

Pontos de alagamento foram registrados em algumas localidades da Capital, como, por exemplo, na principal via do bairro dos Bancários e nas proximidades da CBTU, no bairro do Varadouro.

Campina Grande

Segundo o coordenador da Defesa Civil de Campina Grande, Ruiter Sansão, as equipes ficarão em estado de alerta até o dia 15 de janeiro. Ele lembrou que choveu aproximadamente 20 milímetros em área considerada vulnerável, mas garantiu que nenhum problema foi registrado no local.

De acordo com divulgado pela Agência Executiva de Gestão de Águas, pelo menos 104 municípios paraibanos receberam chuvas em dezembro. A previsão é que chuvas ocorram do Litoral ao Sertão por toda a semana e a temperatura pode cair para 18º C no estado.




Fonte Portal Correio


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...