quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Vereadores de Sousa deixam Câmara escoltados pela Polícia

A medida foi tomada após eles aprovarem o projeto de lei que cria a cobrança de taxa de iluminação pública da cidade e a população ficar indignada

Os vereadores do município de Sousa, no Sertão da Paraíba, precisaram deixar a Câmara Municipal escoltados pela Polícia Militar nessa quarta-feira (23). A medida foi tomada após eles aprovarem o projeto de lei que cria a cobrança de taxa de iluminação pública da cidade e a população indignada com o resultado da votação resolver esperar a saída dos parlamentareis que foram favoráveis a cobrança na saída da Casa.

De acordo com informações, o vereador líder do governo, Daniel Pinto (PMDB) saiu escoltado pela Polícia Militar. Entretanto, alguns parlamentares foram agredidos multidão que jogou lata de cerveja. O acabou sendo vereador Renato Soares (PDT) acabou sendo agredido com tapas, e teve seu carro danificado pelos populares.

Os demais vereadores ficaram encurralado no interior da Câmara temendo sair, e serem agredidos pela população revoltada pelo fato deles terem aprovado a Contribuição da Taxa de Iluminação Pública.

O último parlamentar a deixar o plenário foi Augusto Vieira (PMDB), que na ocasião, também foi escoltado pela Polícia Militar, enquanto a mutirão o agredia verbalmente.

Fonte CLICKPB


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...