sábado, 26 de março de 2016

Moro manda soltar nove presos da 26ª fase da Lava Jato

O juiz Sérgio Moro decidiu neste sábado (26) revogar as prisões de nove investigados da fase mais recente da operação Lava Jato, a 26ª etapa, deflagrada na última terça-feira (22). Os nove estavam com mandados de prisão temporária de cinco dias que venceram neste sábado.


Moro afirmou no despacho que deve analisar na segunda-feira (28) o envio da lista com nomes de políticos apreendida residência do executiv­o Benedicto Barbosa da Silva Júnior, que seria um controle contábil paralelo da Odebrecht.

“É certo que, quanto a essas planilhas apreendidas na residência do executivo, é­ prematura qualquer conclusão quanto à n­atureza deles, se ilícitos ou não, já qu­e não se trata de apreensão no Setor de ­Operações Estruturadas da Odebrecht, atr­avés do qual eram realizados os pagament­os subreptícios (de propina, por exemplo, aos agentes da Petrobrás), e o referid­o Grupo Odebrecht realizou, notoriamente­, diversas doações eleitorais registrada­s nos últimos anos”, despachou Moro.


O juiz poderia prorrogar as prisões pelo mesmo período ou transformá-las em preventivas, sem previsão para expirar. Para manter as prisões seria necessário um pedido da Polícia Federal (PF) ou do Ministério Público Federal (MPF), com autorização do juiz.




Fonte Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...