domingo, 24 de abril de 2016

Jovem vítima de queda em indústria do Vale não suporta sintomas de TCE e morre

Morreu por volta das 13h deste sábado (23), o jovem Paulo Ricardo de Sousa Mariano, de 23 anos, natural da cidade de Diamante (PB).

Paulinho estava internado da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, depois de sofrer um Traumatismo Cranioencefálico, ao se desequilibrar em cima de um forno cerâmico, com altura estimada em 5 metros, em uma Indústria Cerâmica que fica as margens da Rodovia PB-386, município de Itaporanga, na tarde da quarta-feira (20).

O jovem tirava o terceiro dia das folgas de um funcionário e prestava serviços de lenhador. No momento da queda ele teria enganchado sua calça em um pedaço de lenha, causando o desequilíbrio e posteriormente a queda, já que ele era responsável por alimentar o forno pela parte superior.

Na hora da queda o jovem foi socorrido pelo seu irmão e companheiros de trabalho, que solicitaram a ajuda do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Um dos responsáveis pela empresa disse que todos os funcionários se mobilizaram para socorrer Paulinho.

Até o Hospital Distrital de Itaporanga, o jovem estava inconsciente, porém pela gravidade da pancada na cabeça, ele entrou em coma e foi transferido para Campina Grande.

O Gerente da Indústria disse que o trabalhador recebeu toda a assistência por parte da empresa, bem como sua família e que lamenta o dano irreparável.

Paulo Ricardo era casado e estava morando na cidade de Boa Ventura.



Fonte Diamante Online



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...