terça-feira, 14 de junho de 2016

Procon interdita comércio de água mineral e proprietário é detido pela Polícia, em Patos

Um comerciante foi detido e conduzido à delegacia de polícia civil de Patos na tarde desta terça-feira, 14, acusado pelos crimes de ameaça e lesão corporal contra membros da equipe de fiscalização do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-Patos).

Segundo o superintendente do órgão, Maurício Alves, o comércio localizado na Rua Aluizio de Queiroz no bairro Belo Horizonte, vendia o produto sem especificações em seus garrafões e após a constatação de que o estabelecimento funcionava de forma ilegal, a equipe foi ao local e fiz a interdição do comércio que trabalhava sem licença de funcionamento.

Durante a abordagem, o dono do estabelecimento tentou impedir que os fiscais interditassem o local e a polícia teve que ser acionada.

Foram apreendidos 101 vasilhames vazios e 04 cheios. Além de responder pelos crimes de lesão corporal e ameaça, a atitude do comerciante poderá replicar no crime de desacato.



Fonte maispatos


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...