terça-feira, 19 de julho de 2016

Após 12 anos, Diego volta ao Brasil e é o novo reforço do Flamengo

No futebol europeu desde 2004 e nome certo nas janelas de transferências internacionais dos últimos anos, o meia Diego, revelado pelo Santos, enfim está de volta ao Brasil. Na mira do Flamengo desde 2012, ele vestirá vermelho e preto pelas próximas três temporadas. O acerto foi anunciado de forma oficial pelo clube carioca na tarde desta terça-feira, e os sócios-torcedores souberam em primeira mão. Ele será apresentado na tarde desta quarta, na Gávea. Ainda não se sabe o número que o jogador usará na camisa, pois o 10, hoje, é de Ederson. O meia pediu uma lista ao Flamengo com os números disponíveis. Existe a possibilidade de ser o número 1, que há dois anos não é utilizado. No entanto, ainda não há uma confirmação.

O salário e bonificações são semelhantes às oferecidas para Guerrero em maio de 2015. Numa novela que teve até a interferência de tentativa de golpe militar na Turquia, o ex-santista conseguiu a rescisão contratual com o Fenerbahçe e ficou livre para ser rubro-negro no último dia da janela para transferências internacionais.

Diego fez 45 jogos na última temporada pelo Fener, sendo titular em 31 deles, porém em apenas 11 oportunidades atuou os 90 minutos. Marcou três gols. Em 12 anos de futebol europeu, foi protagonista mesmo com a camisa do Werder Bremen-ALE, segundo clube que defendeu no Velho Continente. Viveu bons momentos com a camisa de Juventus e Atletico de Madrid, mas não decolou na Turquia.

Profissionalizou-se pelo Santos em 2002, quando tinha apenas 17 anos, e dividiu o protagonismo da conquista do Campeonato Brasileiro com Robinho. Ficou no Peixe até 2004, ano em que participou de nove jogos válidos pela competição e marcou quatro gols. Em agosto do mesmo ano, estreou pelo Porto-POR.



Fonte: Globo Esporte


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...