sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Polícia prende homem suspeito de assaltar casa lotérica no sertão

Um trabalho integrado dos policiais civis da 16ª Delegacia Seccional e policiais militares da Companhia Independente de Princesa Isabel, no Sertão paraibano, resultou no cumprimento do mandado de prisão, na manhã desta quinta-feira (15), de José Amâncio Neto, 55 anos, suspeito de praticar um assalto a uma casa lotérica, em julho deste ano, na cidade de Tavares. José Amâncio foi preso na residência onde mora na cidade de Princesa Isabel. Na casa dele, a polícia também encontrou a moto usada para praticar o assalto.

O crime aconteceu em uma sexta-feira à tarde. As imagens do circuito de câmeras da lotérica mostraram quando dois homens em uma moto chegaram ao local que fica na Rua Manoel Marques, no centro. Armados, os bandidos intimidaram os clientes e abordaram os funcionários, que foram obrigados a entregar o dinheiro que estava nos caixas. Depois da ação criminosa, os homens fugiram.

As imagens foram analisadas pelos policiais e José Amâncio foi identificado porque na hora do crime levantou o capuz quando estava na direção da câmera de monitoramento. O movimento ajudou a polícia identificar o suspeito. Já uma ligação feita para o 197 Disque Denúncia da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds) revelou que ele podia estar morando na Região. A partir daí, os policias realizaram novas buscas nas cidades e descobriram a residência de José Amâncio.

Sem ter como escapar do cerco policial, ele foi preso e encaminhado para a Delegacia. “Os levantamentos mostram que José Amâncio já cumpriu pena no Estado de São Paulo por tráfico de drogas. Ainda não sabemos quando ele voltou para a Paraíba. Estamos investigando a participação dele em outros assaltos que foram realizados aqui. Já o outro homem que aparece nas imagens praticando o assalto com ele continua foragido. Agora o nosso trabalho de investigação continua para identificar este suspeito e prendê-lo”, falou o delegado seccional, Cristiano Jacques.

Como a prisão foi decretada pela Justiça, José Amâncio foi encaminhado para o exame de corpo de delito e em seguida levado para a Cadeia Pública de Princesa Isabel para aguardar pelo julgamento. A polícia pede a colaboração da população informando sobre o paradeiro do segundo envolvido no assalto da Casa Lotérica de Tavares. As informações podem ser repassadas para o número do Disque Denúncia, 197, não precisa se identificar.





Fonte Secom-pb


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...