sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

CBF amplia Copa do Brasil e muda formato de cada fase do torneio

A Copa do Brasil de 2017 vai bater recorde de participantes: serão 91 clubes. Entretanto, o maior torneio do futebol nacional terá menos jogos que em 2016: acontecerão 120 pelejas, contra 158 da edição desse ano.

Os números foram divulgados nesta quinta-feira (01), quando a Diretoria de Competições da CBF apresentou um resumo do sistema de disputa e classificação para o certame.

Em 2017, pelo terceiro ano consecutivo, Campinense e Botafogo-PB serão os representantes da Paraíba.

Entre as novidades para o próximo ano estão a disputa das duas primeiras fases em jogo único, com renda dividida em 60% para o classificado e 40% para o eliminado, e a entrada dos campeões da Copa Verde (Paysandu), Copa do Nordeste (Santa Cruz) e Brasileiro da Série B (Atlético Goianiense) na fase de oitavas de final, junto com os sete participantes brasileiros da Taça Libertadores.

Em seu novo modelo, a Copa do Brasil de 2017 ganhou uma fase a mais e formatos distintos a cada etapa. Entre as principais novidades, a criação de duas fases eliminatórias em apenas um jogo, independentemente do placar.

Exemplificando de forma resumida a primeira fase: será definida através de sorteio. O clube pior ranqueado jogará em casa, mas o time visitante terá a vantagem de jogar pelo empate para avançar à próxima etapa do torneio.

Confira o detalhamento das etapas abaixo na íntegra do resumo:

* Primeira Fase – com 80 clubes 70 clubes oriundos das competições estaduais e 10 pelo Ranking de Clubes da CBF

Fase em jogo único (40 jogos)

Sorteio para definição dos confrontos

Em cada confronto os times melhores ranqueados visitam os de pior ranking

Vantagem do empate para os visitantes

Divisão de renda: 60% para o classificado e 40% para o eliminado

Classificam-se para a Segunda Fase os vencedores dos confrontos (total de 40 clubes)


* Segunda Fase – com 40 clubes

Fase em jogo único (20 jogos)

Confrontos seguem o diagrama

Mando de campo definido por sorteio

Divisão de renda: 60% para o classificado e 40% para o eliminado

Classificam-se para a Terceira Fase os vencedores dos confrontos (total de 20 clubes)


* Terceira Fase – com 20 clubes

Fase em ida e volta (20 jogos)

Confrontos seguem o diagrama

Sorteio para definição dos mandos de campo

A partir desta fase entra o critério do gol qualificado

Classificam-se para a Quarta Fase os vencedores dos confrontos (total de 10 clubes)


* Quarta Fase – com 10 clubes

Fase em ida e volta (10 jogos)

Sorteio para definições dos confrontos e dos mandos de campo

Classificam-se para a Quinta Fase os vencedores dos confrontos (total de 5 clubes)


* Quinta Fase (Oitavas de Final) – com 16 clubes, a saber:


a) os cinco clubes classificados na Quarta Fase;


b) os sete clubes participantes da Taça Libertadores de 2017;


c) o campeão da Copa Sul-Americana de 2016 (Associação Chapecoense de Futebol/SC, aguardando confirmação por parte da CONMEBOL);


d) os campeões de três competições da CBF em 2016: Copa do Nordeste, Copa Verde e Campeonato Brasileiro da Série B.


Fase em ida e volta (16 jogos)

Sorteio para definições de confrontos e de mandos de campo

Classificam-se para a Sexta Fase os vencedores dos confrontos (total de 8 clubes)


* Sexta fase (Quartas de Final) – com 8 clubes

Fase em ida e volta (8 jogos)

Sorteio para definições de confrontos e de mandos de campo

Classificam-se para a Sétima Fase os vencedores dos confrontos (total de 4 clubes)


* Sétima fase (Semifinal) – com 4 clubes

Fase em ida e volta (4 jogos)

Sorteio para definição dos mandos de campo

Classificam-se para a Oitava Fase os vencedores dos confrontos (total de 2 clubes).


* Oitava fase (Final) – com 2 clubes

Fase em ida e volta (2 jogos)

Sorteio para definição dos mandos de campo

Não há o critério do gol qualificado.





Fonte
Foto: Lucas Figueiredo/CBF
UOL



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...