sábado, 3 de dezembro de 2016

'Segunda chance', diz candidato solitário do Enem em cidade da PB

José Eleotério, 25 anos, é o único candidato de Esperança na 2ª aplicação.
Jovem não fez prova no início do mês por um problema na documentação.

José Eleotério, 25 anos, pode dizer que é um privilegiado. Ele foi o único candidado a fazer a segunda aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em Esperança, município de 32 mil habitantes no Agreste paraibano. O jovem foi impedido de fazer a prova no início do mês por um problema na documentação.

"Eu estou muito agradecido a Deus de poder fazer a prova nessa segunda aplicação. Eu vejo como uma segunda chance. Agora é fazer bem", disse ele. Segundo José Eleotério, ele foi impedido de fazer a prova no dia 5 de novembro porque os fiscais apontaram que a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) estava vencida. O candidato decidiu então recorrer.

"Eu entrei em contato com um advogado de Campina Grande e ele me disse que o edital não previa isso de o documento estar vencido. Foi aí que eu mandei um email para Ministério da Educação e autorizaram eu fazer a prova", contou o candidato.

A não realização do exame seria o fim de um sonho para José. O jovem planeja usar a nota para tentar cursar Ciências Contábeis ou Administração em alguma universidade. "Estou muito nervoso em fazer sozinho, mas é uma oportunidade", afirmou, ao chegar no local de prova às 11h45 (horário local).

Estrutura

Apesar de ser apenas um candidato, a Escola Municipal Josefa Araújo, que também é campus do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), foi especialmente organizada para a realização do exame. Pelo menos 12 pessoas foram escaladas para trabalhar no local e duas salas preparadas: uma para José Eleotério e outra para algum candidato que tivesse obtido uma liminar para fazer o Enem.

Fonte g1 paraiba


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...