quarta-feira, 10 de maio de 2017

Polícia afirma que quadrilha preencheu todas as vagas de 6 concursos na Paraíba

A polícia afirmou nesta terça-feira (9), que a quadrilha preencheu todas as vagas de 6 concursos por meio de fraude. Segundo o delegado de defraudações e falsificações de João Pessoa, Lucas Sá, a investigação da polícia na Operação Gabarito desarticulou um grupo suspeito de fraudar concursos no Nordeste.

A operação aconteceu no domingo (7), 19 pessoas foram presas em João Pessoa e no Rio Grande do Norte, durante a realização do concurso do Ministério Público do Rio Grande do Norte. Os suspeitos fraudavam documentos para facilitar empréstimos para pagar a fraude, diplomas para ingresso no cargo e gabarito da prova. Entre os presos estão dois irmãos, apontados como líderes do grupo e já aprovados em 29 concursos. A quadrilha cobrava até R$ 150 mil para vender o "kit completo" de aprovação.

Ainda de acordo com o delegado, a lista dos concursos suspeitos de ser completamente fraudados não pode ser divulgada antes do fim da investigação, mas o número final deve ser maior. Ele disse ainda que a investigação vai continuar para identificar as pessoas que compraram a aprovação nos concursos. “

Ele explicou também que vai notificar os órgãos que teriam sido prejudicados com a fraude no concurso para que as chefias instaurem um processo administrativo para apurar se os servidores ingressaram no cargo de forma fraudulenta.

O esquema funcionava por meio de escutas e transmissões eletrônicas durante a aplicação das provas. Parte dos suspeitos ficavam na casa onde os líderes do grupo foram presos, em João Pessoa, e eram responsáveis por receber as informações das provas de outros integrantes do grupo que faziam as provas.



Fonte wscom com Assessoria


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...