sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Homem é condenado à pena de 24 anos de reclusão por feminicídio, em Itaporanga

O Tribunal do Juri condenou na tarde desta quinta-feira (25), em Itaporanga (PB), José Ronaldo Do Carmo Silva, vulgo “Cabeludo”, a 23 anos e 10 meses de reclusão, pelo crime de homicídio qualificado tentado entre outros crimes, registrado no dia 16 de julho de 2015, por volta das 17h00, próximo ao Clube Campestre da cidade.

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Estado, “Cabeludo” tentou matar a companheira Francisca Pereira da Silva, desferindo-lhe uma paulada na cabeça, não alcançando seu objetivo por circunstâncias alheias à sua vontade, uma vez que a vítima foi socorrida.

Ainda no local do crime, “Cabeludo” teria atirado pedras no rosto da companheira e abusado sexualmente dela, inserido um pedaço de madeira na vagina da mesma.

Em julgamento, o Ministério Público pugnou pela condenação do réu pela prática do crime de homicídio triplamente qualificado. A defesa, por sua vez, suplicou pela desclassificação do crime de homicídio e absolvição do estupro.
Ele irá cumprir a sua pela inicialmente em regime fechado no presídio da cidade de Patos (PB), dento sido negado o direito de recorrer em liberdade.

O juiz Antonio Eugênio Leite Ferreira Neto titular da 2ª Vara da Comarca de Itaporanga agradeceu a presença dos participantes, entre o Ministério Público, a Procuradoria Estadual, Assessores e Corpo de Jurados.






Fonte Fonte Diamante Online


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...