segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Polícia já tem primeiro suspeito pelo duplo homicídio deste domingo (07) na região de Patos. Delegada explica. Escute

Ainda repercute muita em toda região, o crime bárbaro ocorrido contra o casal Guilherme Alves do Nascimento, 52 anos, e Tayza Kelly Lopes de Morais (27), ocorrido na tarde deste domingo, dia 07, por volta das 16h00, na BR 230, entre as cidades de Santa Luzia e São Mamede, chocou a região de Patos.

Nesta segunda-feira, a polícia começou a divulgar a primeira linha de investigação do caso. De acordo com as informações repassadas pela Polícia Civil, na cidade de Patos, o suspeito é um ex-policial militar que é ex-companheiro da mulher de 27 anos que foi morta no carro. No momento do crime, a vítima estava com o atual marido de 50 anos que dirigia o carro e também foi morto.

A informação sobre a suspeita de que o crime teria sido praticado pelo ex-policial foi confirmada por investigador da Polícia Civil e um Polícia Militar, que pediram para não serem identificados.

Ainda neste domingo, o Instituo de Polícia Científica (IPC) esteve no local do acidente e realizou uma perícia, que deve indicar como o crime ocorreu. No carro ficaram marcas de tiro no parabrisa. No local onde o carro foi encontrado, as vítimas ainda estavam usando cinto de segurança.

Na manhã desta segunda-feira (08/01), a delegada Daniela Quirino confirmou ao repórter da Rádio Espinharas, Higo de Figueiredo, que existia sim, uma medida protetiva de Taiza contra seu ex-companheiro.

Escute a entrevista completa da delegada falando sobre esse caso:







Fonte Patosonline

Com ifnormações do G1/PB e Rádio Espinharas



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...