segunda-feira, 2 de abril de 2018

Prefeito de Catingueira diz que problema na rede elétrica de escola deverá ser resolvido em breve. “Estamos fazendo o possível”.

O prefeito Odir Pereira Borges se manifestou na manhã desta segunda-feira (02) sobre o problema da rede de energia elétrica da Escola Maria Celeste Pires Leite.

Desde o ano passado, quando a prefeitura começou a climatizar as salas de aulas da referida escola, uma queda de energia elétrica vem atingindo o local, impossibilitando que os aparelhos de ar-condicionados permaneçam ligados.

Em razão disto, alunos e professores vêm reclamando do calor provocado pela falta do ar-condicionado, já que as salas são forradas e isto dificulta a circulação do ar.

O prefeito disse que já procurou a concessionária de energia elétrica por várias vezes para tentar instalar um transformador exclusivo para a escola, mas a burocracia vem atrasando a solução do problema.

“Já chegamos até a acionar a justiça para que o problema fosse solucionado. Já procuramos a Energisa em Patos e João Pessoa. Depois tivemos que procurar o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) para que fosse dada uma autorização, já que a fiação terá que cruzar a BR-361.” Disse.

O prefeito informou que no ano passado foi feito um projeto elétrico e encaminhado ao setor competente da Energisa. Este projeto foi aprovado e desde então a burocracia da Energisa e do DNIT vem atrasando a instalação do transformador na escola para que resolva este problema.

Odir garantiu que a prefeitura está em cima destes órgãos para que haja uma solução do problema o mais rápido possível.

“A prefeitura não tem competência para instalar este transformador. Todos os meios para que seja feita a instalação estão sendo feitos, inclusive juridicamente. A prefeitura está fazendo o possível, dentro de sua competência. Portanto, a colocação do transformador é de competência exclusiva da Energisa. Já a parte da instalação elétrica interna da escola, foi feito o ano passado pela nossa gestão.” Afirmou.

“A Energisa nos deu um prazo até esta semana para instalar este transformar e solucionar o problema. Entendemos a situação que os alunos e professores estão passando por conta do calor, mas, infelizmente, a burocracia está fazendo com que o problema demore a ser solucionado. Vamos esperar até a próxima sexta-feira, caso não seja, iremos novamente acionar a justiça.” Concluiu o gestor.








Fonte catingueiraonline


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...