domingo, 1 de julho de 2018

Mais de 20 quiosques foram destruídos em incêndio no Parque do Povo em Campina

Pelo menos 24 barracas e seis quiosques foram destruídos durante incêndio ocorrido na noite deste sábado (30) no Parque do Povo em Campina Grande. A investigação que deve revelar os reais motivos do início do fogo deve ser concluída em 30 dias, conforme informou o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Jair. De acordo com ele, esse é o prazo para que laudo possa ser concluído apontando o que teria dado início as chamas.

Por conta do incêndio, duas pessoas deram entrada no Hospital de Trauma. Thiago Vieira Alves, 33 anos, sofreu uma queimadura no braço. Já Josias da Silva, 46 anos, teve problemas por inalação da fumaça. Ambos estão bem, segundo a assessoria do hospital.

O que já se pode afirmar, segundo o comandante, é que o fogo teria começado por falha humana, durante manuseio de equipamentos dos barraqueiros onde se iniciou o incêndio. “Foi uma fatalidade. Provavelmente erro humano. Já estão sendo apuradas as causas para que a gente possa dar um basta nessas situações”, esclareceu o comandante em entrevista ao repórter Hiran Barbosa, da Rede Correio Sat.







Fonte portalcorreio


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...