sexta-feira, 27 de julho de 2018

TJPB suspende liminar que desobrigava fixação de cartazes anti-homofobia na Paraíba

Os gestores públicos da Paraíba tiveram 476 contas rejeitadas nos últimos oito anos. Com base nestas informações, o Ministério Público Eleitoral e partidos políticos poderão pedir a impugnação de eventuais candidaturas destes gestores nas eleições deste ano, por estarem inelegíveis. A Paraíba é o quinto estado no Nordeste com o maior número de contas rejeitadas. Muitos gestores aparecem com mais de uma conta rejeitada na lista.

A lista foi divulgada pelo do Tribunal de Contas da União (TCU) e entregue pelo presidente do TCU, Raimundo Carreiro, ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luiz Fux, nessa quinta-feira.

Ao todo, no país, são 7.431 gestores públicos, entre eles prefeitos e governadores, que tiveram contas rejeitadas nos últimos oito anos.

Os 7.431 gestores tiveram 11.408 contas rejeitadas por diversos tipos de irregularidades. A reprovação da contabilidade de administradores públicos é tida como um forte indicador de ineficiência no uso de dinheiro público. Serve também como ponto de partida ou mesmo base de investigações sobre corrupção com recursos repassados pelo governo federal para estados e municípios.

Confira o total de contas rejeitadas por estados no Nordeste:

Alagoas 203
Sergipe 248
Rio Grande do Norte 270
Piauí 333
Paraíba 476
Pernambuco 532
Ceará 609
Bahia 714
Maranhão 1359



Acesse a lista da Paraíba.

Acesse a lista completa.


Fonte clickpb


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...