segunda-feira, 6 de julho de 2015

População de Diamante interdita Rodovia para reivindicar providencias no abastecimento d’água

Dezenas de pessoas se reuniram desde as primeiras horas da manhã desta segunda-feira (06), para reivindicar providências com o abastecimento d’água que está cessado há mais de 30 dias na cidade de Diamante (PB).

Os protestantes interditaram o trecho da Rodovia PB-386, que dá a cesso ao município de Boa Ventura, principal artéria de tráfego no Vale do Piancó. Eles usaram pneus e pedaços de madeira, para inviabilizar a passagem dos motoristas e pedestres.

De acordo com um dos representantes do movimento, a cobrança é por ações emergenciais do poder público, referenciando o abastecimento d’água na cidade. “Estamos sem água há mais de um mês e nada foi feito até o momento, isso é um caos. Precisamos de ações do poder público e não de propagandas como se vê”, comenta Anderson Miguel.

A Polícia Militar foi informada do movimento e já está no local para garantir a segurança dos envolvidos.

Há menos de 15 dias, a população da cidade de Boa Ventura também bloqueou a Rodovia.

Fonte diamanteonline



Leia mais

Só 62 prefeitos não podem concorrer à reeleição na Paraíba

Mesmo com a fim da reeleição, 161 prefeitos paraibanos poderão entrar na disputa em 2016. Os outros 62 gestores, que já estão no segundo mandato, não terão mais direito a participar do pleito. Se aprovada definitivamente pelo Congresso e sancionada pela presidente Dilma Rousseff (PT), o fim da reeleição só terá efeito a partir de 2018.

As alterações fazem parte das mudanças aprovadas, em primeiro turno, nas votações da reforma política, na Câmara Federal, quando os deputados optaram pelo fim da reeleição a partir do próximo ano. Mas começará a valer em 2020 o mandato de 5 anos sem direito ao político de se reeleger. A regra vale apenas para presidente da República, governadores e prefeitos.

Entre os atuais gestores que poderão entrar na disputa para mais quatro anos, estão os que embarcaram na função por algum motivo de afastamento do antecessor. Três deles morreram (Severino Virgínio da Silva, em Caraúbas; José Ferreira da Silva, em São Domingos do Cariri; e Marcone Medeiros, em São João do Cariri). Outros dois renunciaram aos mandatos (José de Lucena Filho, em Cabedelo; e Carleusa Castro, em Juazeirinho). Mais dois foram enquadrados na lei da ficha limpa e foram afastados (Miguel Estanislau, em Boa Ventura, e Flávio Aureliano, em Soledade).


Fonte Correio da Paraíba.



Leia mais

Bandidos explodem Banco do Brasil e Bradesco de Taperoá nesta madrugada

Duas agências foram dinamitadas na madrugada desta segunda (6) na cidade de Taperoá, interior da Paraíba.

De acordo com as primeiras informações, um grupo de 13 homens chegaram em 4 carros e dinamitaram os caixas do Bradesco e Banco do Brasil de um só vez.

Ainda não se sabe quanto em dinheiro foi levado e vários moradores da localidade informaram aos policiais que se assustaram com a detonação dos explosivos.

Segundo o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários da Paraíba, esta é a 76º ocorrência contra bancos em 2015.




Fonte Texto/Clickpb
Fotos/Rede sociais




Leia mais

domingo, 5 de julho de 2015

Acidente próximo a Olho D'água tira a vida de uma pessoa

Um trágico acidente automobilístico foi registrado no início da tarde deste domingo (05), na Rodovia Federal BR-361, trecho que liga as cidade de Olho D’água e Piancó, na região do Vale do Piancó paraibano.

Segundo as informações colhidas no local do acidente, a vítima foi identificada pelo nome de Charles André de Sousa, 33 anos, natural da cidade de Olho D’água. Testemunhas disseram que Charles estaria se deslocando para sua residência após sair de Itaporanga, e o excesso de velocidade pode ter sido o motivo do seu acidente, já que ele perdeu o controle da motocicleta e tombou violentamente.

O olho d´águense havia conseguido recentemente um emprego de ajudante de serviços gerais na cidade de Itaporanga, na empresa do seu conterrâneo, o vereador Isaac Carvalho.

De acordo com populares que presenciaram o corpo já sem vida no local do acidente, a vítima quebrou o pescoço e teve morte imediata. A motocicleta era pertencente ao patrão da vítima.

Uma equipe do Gemol fez a retirada do corpo e em seguida o conduziu para o IML da cidade de Patos, onde seria entregue a família.




Fonte Do DiamanteOnline



Leia mais

Agentes flagram visitante tentando entrar com drogas dentro de casca de ovos na unidade penal de Esperança

Agentes penitenciários flagraram, neste domingo (05), um visitante tentando entrar com drogas dentro de cascas de ovos, na unidade penal de Esperança.

Os ovos estavam misturados com outros normais, mas os agentes perceberam uma diferença no peso e resolveram quebrar algumas cascas, realizando de imediato o flagrante.

A encomenda com as drogas estava endereçada a José Leandro de Montada e a outro dentento identificado apenas como Railson. Cerca de quatro ovos estavam repletos de maconha, misturados com outros que também seriam consumidos pelos detentos.

Após o flagrante o acusado foi levado para da delegacia da cidade onde ficou detido e foi autuado por tráfico de drogas. Até agora não foi enviado nenhum comunicado oficial sobre o flagrante.








Fonte PB Agora




Leia mais

Polícia apreende carga de cigarros contrabandeados no Sertão da PB

Um carro que estava transportando 24 caixas de cigarros contrabandeados, com 50 maços cada, foi interceptado na cidade de Imaculada, no Sertão da Paraíba, na madrugada do sábado (4). O veículo foi abordado pela Rotam (Ronda Ostensiva Tática com Apoio de Motocicletas) da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar (5ª CIPM) na rodovia estadual PB-036.

O motorista do carro disse ter comprado todo produto por pouco mais de R$ 8 mil na cidade Patos, de onde estava trazendo a carga. O veículo e a mercadoria foram encaminhados para a Superintendência da Polícia Federal, em Patos.

No total, foram apreendidos 1.200 maços de cigarros, produto que é vendido por mais da metade do preço dos originais no mercado clandestino, de acordo com a polícia. Segundo o Conselho Nacional de Combate à Pirataria (CNCP), órgão do Ministério da Justiça, o cigarro é o produto mais contrabandeado no Brasil, seguido de perto pelos CDs e DVDs.


Fonte G1 PB



Leia mais

Após assalto no sertão da PB, bandidos queimam carro com gerente de motel dentro

O gerente de um motel na cidade de Cajazeiras, no Sertão paraibano, teve as mãos, as pernas e os braços queimados após sofrer uma tentativa de homicídio quando saia do trabalho nesse sábado (4). Três homens atearam fogo no carro em que a vítima estava em uma estrada próxima ao motel.

De acordo com a polícia, os bandidos interceptaram o carro do gerente após praticar assalto ao estabelecimento. Os suspeitos também atearam fogo nas câmeras de segurança do motel.

O trio abordou o gerente do motel, que estava em um Fiat Uno, na saída do motel e levaram para um matagal. Encapuzados e armados, eles roubaram a vítima e, com ela ainda dentro do carro, colocaram fogo no veículo.

O gerente do motel conseguiu escapar do carro, mas teve as mãos, braços e pernas queimados. Ele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e levado para o Hospital Regional de Cajazeiras.

De acordo com a soldado Viviana, do 6º Batalhão da Polícia Militar, o trio fugiu em carro Ecoe Sport de cor prata. A polícia fez diligência no local, mas até o fechamento desta matéria às 12h10 ninguém havia sido preso.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e apagou o incêndio, mas o carro já estava destruído.





Fonte portalcorreio e diariodosertao



Leia mais

sábado, 4 de julho de 2015

Polícia apreende droga e semente de maconha em Patos

Policiais foram acionados na tarde desta sexta-feira (03/07) para averiguar uma denúncia da prática de violência doméstica no bairro das placas, setor leste de Patos.

Uma Guarnição comandada pelo Sargento Norberto foi enviada ao local, porém se deparou com outra situação; os policiais encontraram na residência do acusado vários materiais ilícitos.

Foram encontrados 51 papelotes de maconha, 20 comprimidos de Diazepam, 400g de maconha; e o que mais chamou a atenção, sementes de maconha.

A polícia suspeita que essa semente poderia posteriormente ser distribuída para ser usada em um eventual plantio da droga aqui na região.

O material apreendido foi levado para Delegacia de Polícia Civil e entregue aos cuidados do Delegado Diego Beltrão, que investigará o caso.



Fonte Patosonline.com



Leia mais

Cajazeirense é acometida de doença rara; Vírus da dengue pode ser um dos causadores

Jovem não pode receber nenhuma visita; imunidade está muito baixa devido a gravidade da doença.
Uma jovem cajazeirense, identificada por Brenda Gomes foi acometida de uma síndrome rara, Guillian Barré, a mesma que vitimou fatalmente no mês de maio deste ano a escrivã da Polícia Civil, Luciene Galdino de Souza.

Brenda Gomes comunicou que fez um intenso tratamento no Hospital Santo Antonio, na cidade de Barbalha, Estado do Ceará e está curada. Mesmo submetida a longo repouso, inclusive 30 dias sem receber nenhuma visita, a cajazeirense comemorou a vida e disse ser fruto de um milagre de Deus. “Eu sou um milagre do senhor. Eu já venci o Guillian Barré”.

A jovem terá 60 dias para total recuperação, segundo diagnóstico médico, mas após os 30 dias já está apta a receber visitas. Ela teve alta médica na última quinta-feira (02).

O namorado da jovem, José Lucas Abreu agradeceu a Deus, a família e os amigos pelo apoio e orações a Brenda Gomes. O casal faz parte de grupos de orações da paróquia São João Bosco.

O que é?

A Síndrome de Guillain-Barré é uma doença rara na qual os nervos periféricos se deterioram. Estes nervos enviam mensagens do cérebro para os músculos, instruindo-os a se moverem e também levam sensações como: dor, prazer, gosto, etc., para o cérebro. Em 2010, uma pesquisa realizada pela UFRJ, constatou que o vírus da Dengue pode ser um dos causadores (visto que 1,4% das pessoas com dengue desenvolveram a síndrome).

O dano de um nervo causa freqüentemente fraqueza muscular (muitas vezes chegando a causar paralisia total), e pode causar anormalidades de sensação, inclusive dor, formigamento, sensação de “comichão na pele”, ou até desequilíbrio.



Fonte Do WSCOM Online



Leia mais

Mulher é presa com quatro espingardas, um revólver e munições, no Vale do Piancó

A guarnição da Força Tática em conjunto com a Rotam da 2ª Companhia de Polícia Militar da cidade de Conceição (PB), deu uma resposta rápida e eficiente, e apreendeu 6 armas de fogo: cinco espingardas e um revolver calibre 38, no sítio "Três Pedras", local onde ocorreu uma tentativa de homicídio na noite de quinta-feira (2). A ação policial ocorreu, no início da noite desta sexta-feira (3).

De acordo com as informações da 2ª Cia., depois de receber uma denúncia anônima, a Força Tática juntamente com a Rotam, ambas comandadas pelo tenente Luciano, se deslocaram até a residência de uma mulher, que é parente do suspeito de tentar matar o agricultor Cicero Malaquias, na noite da confusão.

No local foram encontradas as 6 armas e vasta munição. A mulher foi conduzida para a Delegacia de Polícia Civil da cidade de Itaporanga, onde seria submetida a um interrogatório pelo delegado de plantão.

A ação foi uma resposta rápida da própria Companhia de Polícia Militar da cidade de Conceição, que é comandada pelo Capitão Kleber. “Eu quero parabenizar as minhas equipes da Força Tática e da Rotam, pela brilhante atuação, diante do que consideramos uma resposta rápida para a sociedade. Não iremos tolerar que o crime impere e sempre estaremos de prontidão no combate a ele”, pontuou o Capitão.





Fonte Vale do Piancó Notícias



Leia mais

TJ mantém decisão que absolve Policiais acusados de homicídio qualificado em Princesa Isabel

A sentença do 2º Tribunal do Júri da comarca de Campina Grande, que absolveu os policiais militares Paulo Lopes da Silva e Luiz Alves Salvador, do crime de homicídio qualificado, foi mantida pela Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba em sessão ocorrida na tarde desta quinta-feira (2).

De acordo com a acusação, no dia 26 de junho de 2005, por volta das 23h, na cidade de Princesa Isabel, no Sertão do estado, a 430 km de João Pessoa, PMs teriam desferido tiros contra Cláudio Henrique Freitas dos Santos, que veio a falecer.

A ação da polícia teria sido motivada pela morte de um colega policial, José Adeildo Duarte dos Santos, que, de acordo com os autos, se encontrava, no período da tarde, em companhia da vítima (Cláudio Henrique) e outras três mulheres, quando resolveram praticar “roleta-russa” - evento que teria tirado a vida do PM.

No entanto, os policiais (réus) não teriam acreditado na versão de suicídio e teriam agido no sentido de vingar a morte do colega, iniciando uma busca pela vítima, que foi encontrada a partir da delação do próprio irmão, após pressão por parte da polícia.

A defesa dos dois PMs alegou que a operação envolveu outros policiais e que o processo acabou sendo desmembrado, sendo a absolvição dos dois réus condizente com as provas colhidas.

O relator do processo, juiz Marcos William de Oliveira, afirmou que o tribunal popular acatou a tese de negativa de autoria levantada pelas defesas e que há consonância com as provas dos autos.


Fonte Do Blog da Sabrina Barbosa




Leia mais

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Patoense que pesa 420 kg viaja na próxima quinta-feira para Recife

A Associação Paraibana de Bariátricos informou no começo da noite desta sexta-feira (3) que o transporte de Carlos Antônio de Freitas, de 28 anos, para Recife (PE), será feito somente na quinta-feira (9), não mais na segunda-feira (6). Ele tem obesidade mórbida, pesa 420 quilos e vive sentado em casa, na cidade de Patos, a 320 km de João Pessoa.

A Associação disse que a alteração na data foi necessária porque o Hospital das Clínicas, em Recife, ainda está concluindo a construção de uma cama especial e acertando a abertura de uma porta.

Ele será transportado para a Capital pernambucana em um veículo especial, acompanhado por médicos. Em Recife, o jovem deverá passar por tratamento para perder peso, que pode durar de seis meses a um ano e meio, e só depois é que deverá passar por cirurgia.

Carlinhos, como é conhecido, foi pesado nesta sexta-feira (3), por recomendação do Hospital das Clínicas de Recife e está pesando 420 kg.

ENTENDA O CASO.

Patoense com quase 400 kg vive sentado e não consegue tratar obesidade mórbida

Fonte portalcorreio



Leia mais

Mulher furiosa tenta matar sua cunhada e uma vizinha na cidade de Nova Olinda

Segundo as informações do Destacamento Policial da cidade de Nova Olinda (PB), uma mulher, identificada pelo nome de Maria do Desterro, armada com uma faca peixeira, tentou por fim, à vida da própria cunhada, e de uma vizinha, por volta das 19h desta quinta-feira (02).

De acordo com as informações, Desterro é companheira de José Ronaldo do Carmo Silva, irmão de Maria Borges, uma das vítimas. Desterro teria ficado furiosa após uma discussão com o companheiro e sua irmã.

No momento que a polícia chegou ao local, ela jogou a arma fora, e entregou o companheiro, dizendo que ele seria fugitivo, onde teria quebrado o albergue na cidade de Patos, local onde responde por crimes.

O fato aconteceu no Sítio Andreza, município de Nova Olinda (PB). O casal e as duas vítimas estão morando em uma escola que está desativada na comunidade.

A guarnição policial formada pelos Sargentos Passos e Marques, com a ajuda do destacamento de Santana dos Garrotes, fizeram o levantamento do caso e conduziu os envolvidos para a Delegacia de Polícia Civil da cidade de Piancó.


Fonte Do DiamanteOnline




Leia mais

NA PB: Crianças caçam ratos para comer carne no almoço e no jantar

A escassez de comida na mesa de muitos paraibanos está levando uma família da cidade de Alagoa Grande (na região do Brejo, a 148 km de João Pessoa), à uma situação extrema: caçar roedores para complementar a alimentação. Na comunidade Barreiras, no Sítio Tambor, virou rotina crianças saírem quase todos os dias, sempre à tarde, para colocarem armadilhas para 'rato de Junco'.

A caça ao animal é artesanal e feita em uma lagoa que fica no centro da cidade. Uma das crianças revelou que há uma semana sua família se alimenta com rato, porque não dinheiro para comprar a “mistura” e nem outros alimentos. “A gente vai um dia sim, outro não. A gente mete o pau no ninho e mata os ratos (sic)”, contou um menino de 10 anos.

O registro da situação de extrema pobreza de uma família que é comandada por uma mulher de nove filhos foi feito pelo blogueiro Júlio Araújo. Ele flagrou um grupo de crianças saindo de um matagal com os animais já prontos para o consumo.

“Eu fui até a casa da família para fazer uma reportagem sobre um homem que tinha morrido na comunidade. Quando estava iniciando a matéria, vi as crianças saindo do mato com os animais e todos tratados. Perguntei para qual a finalidade dos animais e eles foram enfáticos: para comer. Fiquei chocado com a situação de pobreza da família”, relatou Queiroz, com um tom de emoção.

O imóvel onde a família mora ainda é feito de barro. A casa de poucos cômodos não possui rede de esgoto, a instalação elétrica é feita com gambiarras e não há higiene. Para matar a sede, os garotos pegam água de um açude próximo onde não há tratamento adequado para o consumo. “Podemos dizer que é uma pobreza muito grande, que não sei mensurar. Fiquei muito chocado e comovido. Eles bebem água barrenta que pegam em um açude. Daí, usei o jornalismo para tentar ajudar essa família e amenizar a dor dessas crianças”, disse o blogueiro.

Apesar de a maioria dos moradores da comunidade ter acesso ao programa Bolsa Família, eles – que sobrevivem com cerca de R$ 240 - afirmam que o dinheiro que recebem não dá para comprar a "mistura" para complementar o almoço e o jantar, e acabam saindo à caça de ratos para suprir a falta de carne nas refeições.

O homem que foi encontrado morto, de acordo com o registro feito na delegacia local, era o chefe da família citada na reportagem e teria cometido o suicídio porque devia R$ 150 a um comerciante na compra de uma cesta básica para alimentação dos filhos. Como não tinha condição financeira para quitar o débito, resolveu tirar a própria vida.

Segundo o Portal da Transparência do Governo Federal, somente este ano, o município de Alagoa Grande recebeu pouco mais de R$ 4 milhões e 226 mil par atende os beneficiários do Bolsa Família.

'Rato do Junco'

Segundo a Ivonete Márcio, bióloga e integrada da Vigilância Ambiental de João Pessoa, o ‘Rato de Junco’ é uma espécie de animal silvestre de hábitos noturnos semi-aquático. “Não há relato de problemas de saúde em decorrência da ingestão do animal. Em muitas regiões isso é consumido, mas devemos ter alguns cuidados com a higienização. O rato pode transmitir algumas doenças típicas das ratazanas”.

O animal é um roedor maior que o rato-comum-das-casas, de cor geral avermelhadas na região superior e cinza ventralmente.Alimenta-se de partes de vegetais aquáticos, sementes silvestres e cultivadas,mas podem até chegar a comerem animais invertebrados. Os ninhos são construídos em touceiras de capim, geralmente em terrenos brejosos; suas ninhadas chegam a até 10 filhotes.




Fonte Por Hyldo Pereira



Leia mais

Suspeito de matar paraibana em São Paulo é preso em MG, dois anos após o crime. [VÍDEO]

Um homem de 29 anos foi preso nessa quinta-feira (2), em Tiradentes (MG), suspeito de matar a ex-namorada em São Paulo, em 2013. Os dois são paraibanos de Sousa, a 430 km de João Pessoa.

De acordo com a polícia, a vítima foi morta a tiros quando caminhava em uma rua do Centro de São Paulo. O suspeito teria cometido o crime porque estaria inconformado com o fim do relacionamento.

Ela chegou a ser socorrida com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu em um hospital da capital paulista.

Ariel foi preso no interior de Minas Gerais e o caso foi noticiado no Cidade Alerta da rede Record; assista abaixo.

veja o video





Fonte Portal Correio



Leia mais

Homem é baleado na PB e familiares incendeiam casa de suspeito no Vale do Piancó

Um agricultor de 54 anos foi baleado em uma briga dentro de um bar na Zona Rural do município de Conceição, no Sertão paraibano, na quinta-feira (2). Segundo a Polícia Militar, após a vítima ser baleada, familiares foram até a casa do suspeito, quebraram móveis, uma motocicleta e depois incendiaram a residência.

Ainda conforme informações da PM, a vítima foi até o bar depois de saber que o filho tinha se envolvido em uma briga. Ao chegar no local, discutiu com um homem e foi atingido por dois tiros, um no braço e outro no abdômen. O suspeito dos disparos fugiu.

O agricultor foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para um hospital local, mas depois foi transferido para o Hospital Regional de Patos. Segundo a unidade de saúde, na manhã desta sexta-feira (3) ele já tinha saído da área vermelha e estava em observação.

Após o crime, familiares do agricultor foram até a casa do suspeito. De acordo com a polícia, eles invadiram, quebraram televisores, uma geladeira, diversos móveis e incendiaram a propriedade. Até as 7h50 desta sexta-feira ninguém foi preso, de acordo com a PM. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.



Fonte G1 PARAÍBA



Leia mais

Entenda a importância de remover o pendrive com segurança do computador

“A vida é muito curta para remover o hardware com segurança”, costumam dizer algumas pessoas. Afinal de contas, será que é mesmo necessário fazer esse burocrático procedimento para se remover um simples pendrive? Neste artigo, o TechTudo explicará a importância de se remover o pendrive com segurança do computador e os prejuízos que poderão ocorrer se você ignorar esta simples prática de segurança.

A importância

Quando você conecta um pendrive na porta USB, ele automaticamente começa a receber corrente elétrica, afim de funcionar. Ao utilizar a opção “Remover hardware com segurança” o sistema operacional desliga aquele componente e ele passa a não mais receber corrente elétrica.

Da mesma forma, enquanto está ligado, o pendrive executa diversas ações de leitura e escrita. Quando desligado da forma correta, ele cessa também tais ações de leitura e escrita. Em outras palavras, o pendrive, mesmo conectado à sua porta USB, fica inativo.
Quais os prejuízos

Muita gente não se dá conta dos prejuízos que podem ocorrer ao não remover o hardware com segurança. Se no momento que você puxar o pendrive da porta USB estiver passando uma corrente elétrica para ele, é possível que o dispositivo e até mesmo a porta USB em que ele estava ligado queime. Já pode ter acontecido com você de um pendrive parar de funcionar “do nada” ou determinada porta USB não reconhecer mais nenhum hardware. A causa para isso talvez tenha sido remover o hardware abruptamente.

Mas mesmo que seu pendrive não queime, é possível que alguns arquivos sejam corrompidos ao removê-lo sem cautela. Se na hora que remover o pendrive ele esteja executando alguma operação de leitura e escrita nele, o arquivo em questão será corrompido.

É consenso?

Não. Algumas pessoas dizem que esse procedimento só deve ser feito quando o pendrive é conectado à porta dianteira do gabinete. Porém, se for conectado na porta traseira, que é ligada diretamente à placa-mãe, o “remover o hardware com segurança” não é mais necessário.

Outros dizem que é seguro remover o pendrive quando o LED indicador de ação não está piscando. Alguns modelos trazem este LED que indica quando ele está realizando alguma ação. Porém, o melhor e mais seguro mesmo a se fazer para evitar qualquer prejuízo ao seu equipamento e aos arquivos nele contidos é remover o hardware com segurança. É muito simples fazer isso e o TechTudo já até publicou tutoriais para fazer este procedimento no Windows e no Mac.

Assim, que você possa ter mais cuidado com seu pendrive e sempre que for retirá-lo do PC use a opção “Remover hardware com segurança” para evitar qualquer tipo de prejuízo.



Fonte por FELIPE ALENCAR
Para o TechTudo




Leia mais

NO VALE: Agricultor tenta tirar filho de confusão e acaba ferido a bala

O agricultor Cicero Malaquias, 59 anos, foi baleado no momento em que tirava seu filho de uma confusão em um bar.

O fato ocorreu, por volta das 18h, desta quinta-feira (2), durante uma bebedeira, no sítio 3 Pedras, zona rural de Conceição (PB).

De acordo com informações da 2ª de Polícia Militar, um homem identificado por Marciano, participava de uma bebedeira em um bar, onde o filho da vítima também bebia.

Em determinado momento os dois iniciaram uma confusão, mas foram contidos por populares, que também se encontravam no bar. Segundo a polícia, quando o pai chegou no estabelecimento comercial para tentar levar seu filho para casa, o acusado sacou um revolver e efetuou três disparos contra ele. Em seguida, o acusado fugiu do local do ocorrido.

A vítima foi socorrida pelo Samu para o hospital Caçula Leite, na cidade de Conceição onde recebeu atendimento médico. No entanto, com a gravidade dos ferimentos ela teve que ser transferida com urgência para o hospital Regional de Patos.

Segundo informações do médico de plantão no hospital Caçula Leite, Odoniel Mangueira, um tiro atingiu um dos braços, enquanto o outro atingiu o abdômen, ambos transfixaram. Ainda segundo o médico, há suspeita de que a bala pode ter atingido alguma vértebra da coluna vertebral, pois a vítima se encontrava com as pernas sem movimentos.

Ainda de acordo com informações da 2ª Companhia de Polícia Militar, depois do acontecimento, familiares da vítima incendiaram a residência do acusado. Um dos envolvidos no incêndio foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil da cidade de Conceição, onde serão feitos os procedimentos cabíveis, conforme informou a polícia..




Fonte Vale do Piancó Notícias



Leia mais

Dupla persegue jovem, atira e acaba atingindo motorista de prefeito no Sertão da PB

Um homem de 42 anos, que atua como motorista do prefeito André Gadelha, de Sousa, no Sertão da Paraíba, a 438 km de João Pessoa, foi atingido por um disparo de arma de fogo na região abdominal na casa da namorada, no Bairro Popular, área periférica da cidade. O fato ocorreu na noite desta quinta-feira (2).

De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava na residência da companheira quando um parente desta chegou correndo e entrou na casa. Em seguida, uma dupla de encapuzados chegou de moto ao local, invadiu a casa e efetuou vários disparos de arma de fogo, possivelmente contra o jovem que tinha acabado de chegar. O motorista, ao tentar fugir da situação, acabou atingido. Os suspeitos fugiram em seguida para destino até então desconhecido.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado e socorreu a vítima ao Hospital Regional de Sousa, onde passou por cirurgia e, conforme os profissionais de saúde, estava fora de perigo.

Policiais interrogaram o parente da namorada da vítima, que seria o possível alvo dos bandidos. Ele disse que não conhecia a dupla e não sabia quais os motivos do atentado. A PM realizava diligências até o fim da noite desta quinta e ninguém havia sido identificado ou detido.

Fonte Portal Correio e folhadosertão



Leia mais

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Temperatura na PB cai e meteorologistas preveem até 15º no Cariri do Estado

Clima nublado e queda na temperatura. Os paraibanos têm convivido com dias mais frios nesse começo de inverno. Muitos tem saído de casa agasalhados para se proteger do “gelo”. E a previsão da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), é que os termômetros continuem registrando quedas na temperatura nos próximos três meses. Historicamente, julho, agosto e setembro são os meses mais frios do Estado.


Mais uma vez a Paraíba deverá registrar a menor temperatura do ano naregião do Cariri, segundo previsão Aesa. Segundo o meteorologista Alexandre Magno, a cidade de Monteiro,, localizada na região do Cariri, a cerca de 300 quilômetros de João Pessoa, deverá ter o dia mais frio do ano com os termômetros podendo registrar até 15º.. No ano passado, a temperatura mais baixa do ano no estado da Paraíba, também foi registrada em Monteiro quando os termômetros indicaram 14,6º.

Segundo os dados da Aesa, durante a estação os termômetros devem variar entre 16°C e 29°C, com a mínima esperada para o Brejo e Agreste e a máxima prevista para ser registrada no Sertão e no Litoral.

A meteorologista Marle Bandeira explica que céu sem nuvens contribuiu para o resfriamento do clima em boa parte do estado da Paraíba.

“Durante à noite, quando céu fica sem nuvens, a radiação que a Terra recebeu durante o dia escapa mais rapidamente para espaço. Com o céu limpo a temperatura baixa mais rápido, principalmente na região do Cariri, que tem uma grande amplitude térmica”, explicou Marle Bandeira meteorologista da Aesa. Ainda de acordo com Marle Bandeira, as variações térmicas em cidades como Cabaceiras e Monteiro, no final do outono e início do inverno é comum o registro de dias quentes e madrugadas bem frias nesses municípios





Fonte Severino Lopes - PBAgora



Leia mais

Polícia elucida homicídio e apreende arsenal em São Bento

A Polícia Civil da Paraíba realizou, nesta quinta-feira (2), a ‘Operação Rede de Aço’, que resultou na prisão de três pessoas e na apreensão de armas de fogo e munições na cidade de São Bento, Sertão do Estado. A ação foi executada por investigadores dos Grupos Táticos Especiais (GTE) do próprio município e de Pombal, Catolé do Rocha e Sousa, que após cumprimento de mandados de busca e apreensão e mandados de prisão temporária prenderam Cícero Leite da Silva, 33 anos, Michel de Araújo Pereira, 30 anos, e o empresário Ricardo Pereira do Nascimento, 39 anos. Todos são suspeitos da prática de homicídio.

De acordo com a titular da 18ª Delegacia Seccional de Catolé do Rocha, delegada Patrícia Forny, as investigações começaram a partir de um homicídio na cidade de São Bento, no dia 12 de abril deste ano, e que teve como vítima José Rodrigo, conhecido como Bambam. “Ele foi executado com quatro tiros na cabeça, no lixão da cidade, nas imediações da Indústria Vieira Aços, de propriedade de Ricardo Pereira do Nascimento”, explicou.

Ainda segundo a autoridade policial, Cícero e Michel, naturais de São Bento, são apontados como executores do crime e funcionários da empresa. “A vítima trabalhava para o empresário como carregador ou ‘cabeceiro’ e furtou uma quantia em dinheiro, cheques e um aparelho celular durante uma entrega. O fato foi registrado na delegacia, o procedimento policial instaurado, mas as medidas legais não satisfizeram Ricardo. Em decorrência do delito, ele tramou sua vingança e coube aos seus dois funcionários e homens de confiança executá-la. Acreditamos, inclusive, que ele forneceu as armas”, revelou Forny.

Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão domiciliar na casa de Ricardo e na empresa, a Polícia Civil encontrou um revólver calibre 38, marca Taurus, especial; uma pistola calibre 380, com quatro carregadores; uma pistola imbel .40 com quatro carregadores; uma escopeta calibre 12; sessenta e duas munições de 380; dez munições 38; quinze munições .40 e cinquenta munições calibre 12, além de um kit de manutenção e limpeza de armas.

“Essa ação faz parte de um trabalho qualificado de investigação policial voltada para o enfrentamento aos crimes de homicídio no Sertão do Estado. Há a integração de todo o efetivo policial nesse sentido, assim como para a redução dos crimes patrimoniais e circulação de armas de fogo, que põem em risco a segurança da população”, frisou a delegada Patrícia Forny.


Fonte MaisPB




Leia mais

Palio mantém a liderança em junho

A FENABRAVE (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) divulgou o ranking dos modelos mais vendidos em junho de 2015. E sem nenhuma surpresa, o Fiat Palio manteve a liderança do mercado de carros no Brasil no mês, com vendas de 10.582 unidades - avançando 1,08% sobre o mês passado. Vale destacar que o Palio é o único modelo hoje em produção no Brasil a superar a casa das 10 mil unidades vendidas mensalmente.

A segunda colocação ficou com o Hyundai HB20, com 9.165 unidades vendidas, o que representa um avançando 3,6% sobre o mês anterior. O Chevrolet Onix cresceu 8%, para 8.871 unidades, ficando na terceira colocação. O ex-líder do mercado, o Volkswagen Gol, fica com a quarta colocação, apresentando queda de 8.7%, para 7.292 unidades vendidas no mês. Fecha o top 5 outro Volkswagen, no caso o Fox, com 7.004 unidades emplacadas - avanço de 4,4% sobre maio.

A partir da 6º colocação, veio a turma que perdeu vendas com relação ao mês anterior. O Ford Ka apresentou retração de 16.4% em suas vendas em junho, para 6.977 unidades emplacadas, ficando no sexto lugar. Outro que caiu foi o Renault Sandero, com 6.464 unidades vendidas - retraindo 2,4% - ficando na 7ª posição.

Surpresa da lista foi o Toyota Corolla, que avançou 0,7% em junho para um total de 5.811 unidades emplacadas, garantindo a 8ª posição, a frente de carros de menor valor e, teoricamente, maior volume de vendas. O Fiat Uno ficou na 9ª posição depois de cair 16.6% para 5.714 exemplares vendidos. E fechando o “top ten” a outra surpresa do mês: o Honda HR-V. O modelo bateu seu próprio recorde de vendas, avançando 4,6% sobre maio, para 5.229 unidades vendidas.

Entre as montadoras, a Fiat do Brasil continua líder absoluta em termos de participação de mercado, tendo vendido 36.680 unidades em junho. A segunda posição, que no acumulado de 2015 ainda pertence à GM, no mês de junho ficou com a Volkswagen, que registrou 30.095 unidades vendidas, ficando com 14,7% do mercado. Assim, coube à GM a terceira posição, com 27.459 unidades vendidas e 13,4% do mercado. O desempenho da GM parece ter sido afetado pela retirada de linha do Celta.

A Ford manteve-se na quarta posição, com 20.348 veículos vendidos, com participação de mercado de 9,9%. E a zebra que está cada vez mais se consolidando no mercado, a Hyundai segue na quinta posição, com 8,8% do mercado, e 18.088 unidades emplacadas. Na sequência temos Renault em 6º, com 7,6% de participação no mercado e 15.493 unidades vendidas, Toyota com a 7º colocação, com 7,4% de fatia no mercado e 15.158 carros vendidos, a Honda com a 8º, com 6,7% e 13.648 modelos negociados, a Nissan, com 2,9% de representação nas vendas do mês de junho, o que equivale a 5.473 carros negociados e na 10º colocação, fechando as dez maiores do Brasil no mês, a Mitsubishi, com 1,8% do mercado e 3.594 veículos vendidos.

Fonte Jefferson Paiva




Leia mais

Senado aprova aposentadoria compulsória aos 75 anos para servidores públicos

O plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (1º) o projeto de lei que estende para todos os servidores públicos os efeitos da chamada PEC da Bengala, a emenda constitucional que determinou a aposentadoria compulsória de ministros de tribunais superiores aos 75 anos.


Pelo texto aprovado, os funcionários públicos também passarão a se aposentar compulsoriamente cinco anos mais tarde – atualmente a aposentadoria deles é, no máximo, aos 70 anos. A lei, que ainda precisa passar pela Câmara dos Deputados, será aplicada aos servidores dos três Poderes, dos estados, dos municípios e do Distrito Federal.

Autor da matéria, o senador José Serra (PSDB-SP) disse que o rojeto é benéfico para os funcionários, que poderão optar por se aposentar antes ou ter mais tempo de contribuição nos casos em que a proporcionalidade não permitir ainda a aposentadoria integral.

Ao falar no plenário do Senado, Serra destacou também que a mudança no tempo da aposentadoria compulsória trará economia para o governo. “As nossas estimativas mostram que o governo, nas três esferas, como um todo, Senador Eunício, vai economizar mais de R$1 bilhão por ano”, disse. De acordo com o senador, com o aumento do tempo da aposentadoria compulsória de 70 para 75 anos, diminui o gasto governamental. “É uma diminuição lenta, mas firme e segura”, afirmou.

O senador José Pimentel, no entanto, alegou que a lei poderá ser considerada inconstitucional por ter vício de iniciativa. Ele citou, como exemplo, outra lei que foi aprovada por unanimidade na Câmara e no Senado estabelecendo aposentadoria compulsória aos 65 anos para os policiais federais e policiais rodoviários federais e que, em seguida, foi considerada inconstitucional no Supremo Tribunal Federal. Apesar disso, ele orientou favoravelmente à votação e colaborou para a aprovação do projeto.

O texto recebeu uma emenda para que os efeitos da lei sejam também aplicados aos membros da Defensoria Pública, que têm carreira independente. A matéria segue agora para análise da Câmara dos Deputados.


Fonte Por Agência Brasil



Leia mais

Posto de combustível é novamente assaltado, em Itaporanga

Mais um assalto a mão armada foi registrado contra estabelecimento comercial somente nesta quarta-feira (1º), na cidade de Itaporanga (PB). Esse foi o segundo em menos de 12 horas.

Desta vez, o alvo dos ladrões foi o Comércio de Lubrificantes e Combustíveis “Auto Posto Jamaci”, que fica na Rodovia BR-361, na Rua Elvídio Figueiredo, saída para a cidade de Boa Ventura.

O assalto foi informado a Pólicia Militar por volta das 20h, quando se completavam exatas 12h do primeiro assalto contra um Correspondente Bancário no centro da cidade.

De acordo com o frentista do Posto, o criminoso chegou sem levantar suspeitas e armado de uma faca peixeira, exigiu que lhe entregasse todo o dinheiro apurado, que estimou-se em uma quantia de R$ 200,00 (duzentos reais), em seguida ele fugiu sem deixar pistas.

Até a manhã desta quinta-feira (02) ninguém tinha sido preso pelos crimes acima relacionados. essa não foi a primeira vez que o Posto de Combustível foi alvo de assaltantes.




Fonte Do DiamanteOnline



Leia mais

Patoense com quase 400 kg vive sentado e não consegue tratar obesidade mórbida

O drama de Carlos Antônio de Freitas, um jovem paraibano de 28 anos que está com quase 400 quilos e que precisa tratar a obesidade mórbida, vem comovendo e sensibilizando profissionais de todo país para a tentativa ajudá-lo.

Carlinhos, como é conhecido, não consegue andar nem deitar para dormir e vive o tempo todo sentado. Ele mora no município de Patos, no Sertão da Paraíba, a 320 quilômetros de João Pessoa, e há quase uma década tenta tratar a doença que já lhe causou outras enfermidades como problemas respiratórios e a diabetes.

O médico do Programa Saúde da Família (PSF) que trata Carlinhos há pelo menos cinco anos, Pedro Augusto, contou ao Portal Correio que o tratamento dele seria uma cirurgia bariátrica, mas os profissionais que tentam operá-lo esbarram na impossibilidade dele de se submeter às dietas adequadas, principalmente no pós-operatório, quando é preciso fazer uma dieta líquida.

"Venho acompanhando o caso de Carlinhos e o problema é que, além da obesidade mórbida, ele desenvolveu problemas mentais, é agressivo quando não lhe dão comida e por isso a família não consegue fazer com que siga as recomendações médicas", contou.

O médico disse, ainda, que profissionais de outros estados do país já se interessaram em fazer a cirurgia bariátrica de Carlinhos, mas quando Pedro Augusto repassa as informações necessárias e fala sobre a dificuldade que tem por conta do problema mental do paciente, os médicos acabam desistindo porque é muito arriscado.

"Se as recomendações da dieta líquida não forem cumpridas, o paciente poderá ter complicações que podem levar à morte", analisou.

Família carente

A família de Carlinhos é carente. Ele tem mais dois irmãos, mas mora só com os pais. De toda família, somente o jovem desenvolveu a obesidade que o segue desde criança. Os pais, por não terem formação para lidar com a enfermidade, sempre satisfizeram a vontade que ele tem de comer.

A mãe contou que sempre que ele queria comer alguma coisa, se não lhe dessem, o jovem acabava reagindo agressivamente. Por conta disso, todos terminavam atendendo ao desejo dele, sem pensar que estariam fazendo um grande mal.

Carlinhos desenvolveu comportamento agressivo e o utiliza sempre que quer comida. O caso do jovem complicou muito nos últimos anos e ele já não consegue fazer nenhum tipo de dieta.

O médico Pedro Augusto disse que, na mais recente tentativa feita em João Pessoa para ajudá-lo, o rapaz chegou a ficar internado por cerca de dois meses no Hospital Santa Isabel, mas não ele conseguiu fazer a dieta para obter a redução de peso necessária para o procedimento cirúrgico de redução do estômago e a família o levou de volta para casa.

Caminhão guincho

Para se ter uma ideia do drama enfrentado por Carlinhos e seus familiares, basta saber que para transportá-lo de um lugar para outro, tem que ser utilizado um caminhão guincho, pois não há ambulâncias ou outro veículo que comportem o peso dele.

"Há um tempo atrás, ele era transportado num carro do corpo de bombeiros, mas hoje em dia isso só é possível com um caminhão guincho, devido ao excesso de peso", contou o médico.

A última vez que Carlinhos foi pesado, cerca de quatro meses atrás, em uma máquina para pesar animais de grande porte, ele estava com 356 quilos, mas o médico Pedro Augusto disse que ele já teria ganho mais peso e estaria com cerca de 400 quilos.

O rapaz não se locomove mais e também não consegue deitar-se para dormir, por isso passa todo o tempo sentado.

O médico disse que no dia a dia Carlinhos é comunicativo, conversa com todos, é orientado, mas sempre que começa a fazer o tratamento, ele muda completamente e começa a desenvolver o comportamento agressivo.

"É muito difícil para gente que o acompanha, pois o caso é muito difícil. Ele faz tratamento e toma medicação para o problema psicológico, mas, mesmo assim, a gente não consegue avançar para o tratamento mais indicado ao caso, que é a cirurgia bariátrica", revelou.

Esperança

Na luta pela vida de Carlinhos, amigos e familiares criaram perfis nas redes sociais para divulgar e procurar ajuda. Um vídeo divulgado no grupo criado no WhatsApp 'Ajuda Carlinhos' foi compartilhado por diversas pessoas e fez com que o drama dele fosse visto por integrantes da Associação Paraibana de Bariátricos.

A entidade, criada há cerca de um mês e que ainda vem se estruturando na capital paraibana, conseguiu através de um de seus membro, o médico Eduardo Pachu, uma internação para tratamento do rapaz no Hospital das Clínicas, em Recife, capital pernambucana.

Aderlane Mônica da Silva, que é membro da Associação, informou que o cirurgião bariátrico Ricardo Pachu trabalha em Campina Grande e Recife. O profissional conseguiu tratamento na unidade da capital de Pernambuco e Carlinhos deve ser transferido para lá já nesta segunda-feira (6).

Ela disse, ainda, que o rapaz deve permanecer internado por cerca de um ano para poder realizar a cirurgia. "Tomamos conhecimento do problema mental que tem e estamos preparados para lutar por ele, por isso a necessidade desse tempo para que chegue a um peso ideal para realizar o procedimento cirúrgico", disse.

Aderlane informou que Carlinhos precisa perder pelo menos cem quilos para fazer a cirurgia. A transferência está sendo programada pela Secretaria de Saúde da Prefeitura de João Pessoa e pela a unidade do Corpo de Bombeiros de Patos. Os dois órgãos, conforme Aderlane, estão traçando uma maneira de levar o jovem para Recife, com o acompanhamento de uma equipe médica.

"Somos uma entidade nova, que ainda estamos nos estruturando, mas o caso de Carlinhos nos sensibilizou bastante e sentimos a necessidade da urgência em ajudá-lo", reforçou.

Fonte Por Luciana Rodrigues




Leia mais

Polícia conclui inquérito e indicia 3 por vídeos do corpo de Cristiano Araújo

A Polícia Civil concluiu nesta quarta-feira (1º) o inquérito que investiga o vazamento de fotos e vídeos do corpo do cantor Cristiano Araújo, de 29 anos, que morreu em um acidente de carro na BR-153, em Goiás.

De acordo com o delegado Eli José de Oliveira, responsável pelo caso, três pessoas foram indiciadas pelo crime de vilipêndio de cadáver (desrespeito ao corpo) e, se condenadas, podem pegar de 1 a 3 anos de prisão.

“As investigações comprovaram a participação efetiva dessas três pessoas no caso, por isso já concluímos o inquérito”, explicou o delegado.

Segundo ele, outras duas pessoas que teriam recebido o vídeo são investigadas.

Os indiciados são os técnicos em tanatopraxia (procedimento de retirada dos fluídos do corpo para o enterro) Marco Antônio Ramos, de 41 anos, e Márcia Valéria dos Santos, de 39, ex-funcionários da Clínica Oeste, além do estudante de enfermagem Leandro Almeida Martins, de 24.

Em nota, a clínica afirmou que repudia a ação dos empregados, que foram demitidos por justa causa. “A Clínica Oeste existe há quatro anos e reitera seu compromisso com a ética, a transparência, o zelo pela prestação do serviço e o respeito às famílias, e se solidariza com todos os que, como ela, repudiam tal ato”, destacou o texto.

Segundo as investigações, Márcia foi quem gravou o momento em que o corpo do cantor era preparado por Marco, indiciado pelo fato de não ter impedido a colega. Em seguida, a mulher enviou o vídeo a Leandro, que estuda na mesma universidade que ela. O jovem, por sua vez, repassou o material para duas tias, de 39 e 40 anos.

De acordo com o delegado, as tias não foram indiciadas até o momento, pois alegam que ficaram horrorizadas e excluíram o arquivo antes que terminassem de ver. “Por isso, a perícia no celular delas vai confirmar essa versão de que não enviaram a gravação, que foi feita de forma desrespeitosa e humilhante. Se algo for comprovado, mesmo após a conclusão do inquérito, elas poderão ser indiciadas”, disse.

Oliveira ressaltou, ainda, que não há uma data para que essa perícia seja concluída. Quanto ao inquérito, ele deve ser encaminhado ao Poder Judiciário ainda nesta tarde.

Exclusão da web
Com base em denúncias de internautas, o site de buscas Google informou que já começou a remover os vídeos que mostram a preparação para o velório do corpo do cantor. A Justiça determinou a retirada de todas as imagens do corpo do cantor tanto do Google quanto do Facebook.

O site de buscas informou por meio de nota, enviada no último dia 29, que já foi notificado, mas diz ser “necessário que qualquer ordem judicial para remoção de conteúdo especifique as URLs [endereços das páginas] dos conteúdos a serem removidos”.

O comunicado adiantou ainda que algumas imagens do caso já foram excluídas. “Em paralelo, o Google já removeu diversos vídeos do caso em questão que foram indicados por usuários como violações dos termos de uso e das políticas do YouTube”, disse.

A assessoria do Tribunal de Justiça de Goiás explicou que, para questionar a decisão, o departamento jurídico do Google precisa interpor um recurso. Dessa forma, no segundo grau, seria analisada a justificativa da empresa, quanto a necessidade da especificação dos links a serem removidos.

O G1 tentou novo contato com a assessoria na manhã desta quarta-feira para saber se houve o recurso, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

Já o Facebook afirmou que não comenta casos específicos.

Acidente e enterro
Cristiano Araújo morreu em um acidente de carro na BR-153, entre Morrinhos e Pontalina, no dia 24 quando voltava de um show em Itumbiara, no sul do estado. No veículo também estava a namorada do cantor, a estudante Allana Moraes, de 19 anos, que morreu no local, além do motorista do músico, Ronaldo Miranda, e do empresário dele, Victor Leonardo – os dois se feriram, mas já receberam alta do Instituto Ortopédico de Goiânia (IOG).


Fonte G1



Leia mais

Prefeito paraibano é condenado por posse ilegal de arma e munições

O Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba julgou procedente a denúncia para condenar o prefeito do município de Malta, Manoel Benedito De Lucena Filho (“Nael Rosa”), pelo crime de posse ilegal de arma e munições. A pena, inicialmente fixada em três anos de reclusão e 10 dias-multa, foi substituída por prestação de serviços gratuitos à comunidade e pagamento de cinco salários mínimos a uma instituição filantrópica a ser determinada. O feito foi apreciado nesta quarta-feira (1º), com relatoria do desembargador Joás de Brito Pereira Filho.

De acordo com a denúncia, no dia 6 de abril de 2011, policiais militares cumpriram mandado de busca e apreensão, encontrando no escritório do prefeito 32 munições de arma de fogo calibre 38, sendo 21 deflagradas e 11 intactas; além de outras cinco intactas de arma de fogo calibre 37.

A defesa do acusado alegou que o fato não configura conduta criminosa, visto que as munições eram antigas e se encontravam trancadas em um cofre, local de difícil acesso de terceiros, não se caracterizando ofensa ao bem juridicamente cautelado.

Já o relator afirma, no voto, que não há prova clara no sentido de que as munições se encontravam bem guardadas e que, mesmo que fossem velhas, como teria alegado o réu em interrogatório, se encontravam em condições normais de uso e funcionamento, mostrando-se eficiente, conforme conclusões da prova técnica.

“A guarda do material em tais circunstâncias, não obstante a primariedade do acusado e seus bons antecedentes, não pode ser considerada inofensiva à segurança pública”, afirmou o desembargador Joás, complementando que “o número de munições apreendidas exige adequada repreensão”.

O relator esclareceu ainda que, conforme jurisprudência, há crime único na conduta do acusado, pela posse da arma e das munições no mesmo contexto fático.

Artigos 12 e 16 (Lei 10.826/2003 – Capítulo IV

Art. 12. Possuir ou manter sob sua guarda arma de fogo, acessório ou munição, de uso permitido, em desacordo com determinação legal ou regulamentar, no interior de sua residência ou dependência desta, ou, ainda no seu local de trabalho, desde que seja o titular ou o responsável legal do estabelecimento ou empresa:
Pena – detenção, de 1 (um) a 3 (três) anos, e multa.

Art. 16. Possuir, deter, portar, adquirir, fornecer, receber, ter em depósito, transportar, ceder, ainda que gratuitamente, emprestar, remeter, empregar, manter sob sua guarda ou ocultar arma de fogo, acessório ou munição de uso proibido ou restrito, sem autorização e em desacordo com determinação legal ou regulamentar:

Pena – reclusão, de 3 (três) a 6 (seis) anos, e multa.


Fonte ASCOM



Leia mais

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Suspeito de estupros e morte de mulher é transferido para presídio

Vítimas foram abordadas na Paraíba, violentadas e uma delas morta em PE.
Bebê de uma delas foi deixado na mata, mas foi socorrido e já recebeu alta.

O homem suspeito de estuprar duas mulheres e matar uma delas em Goiana, Pernambuco, entre os dias 20 e 21 de junho, foi transferido para a Penitenciária Romeu Gonçalves de Abrantes, conhecido como PB1, em João Pessoa na noite desta quarta-feira (1º). Ele e o suspeito de participar do roubo do carro de uma das vítimas saíram da Central de Polícia por volta das 18h. Durante o dia, eles prestaram depoimento ao delegado Walter Brandão, que disse que o suspeito confessou o crime. O delegado também apresentou a moto usada no crime, que, segundo ele, corresponde à descrição feita pela vítima que sobreviveu.

O principal suspeito foi preso na manhã de terça-feira (30) e, segundo a polícia, estava desarmado no momento do crime. Um outro suspeito também foi preso, mas segundo a polícia, só teve participação na abordagem das vítimas com a intenção de roubar o veículo onde as mulheres estavam e não teria participado dos estupros nem do assassinato de uma das vítimas.

Durante a entrevista coletiva realizada na terça-feira, a delegada Roberta Neiva, presidente do inquérito, explicou como o crime foi cometido. Segundo ela, o homem primeiro parou na cidade paraibana de Alhandra, onde estuprou a mulher que morreu, enquanto a que sobreviveu e o bebê estavam dentro do carro amarrados.

Depois, ele amarrou a mulher que já havia sido estuprada e a colocou dentro da mala do carro. O criminoso deu algumas voltas no veículo, parou em Goiana e estuprou a segunda mulher. Em seguida, ele largou o bebê na mata e colocou as duas mulheres no chão, onde passou com o carro por cima delas. Apenas uma delas sobreviveu à tentativa de homicídio, mas ficou gravemente ferida.

O bebê foi abandonado em uma mata próximo ao local do crime. “O chão era escorregadio e ela estava muito debilitada e amarrada. Ela passou a noite toda vendo o corpo da amiga e escutando o choro do filho, mas sem conseguir vê-lo. E o que trazia esperanças para ela era ouvir o choro dele e saber que ele estava vivo”, contou a delegada.

Um deles desistiu do crime

De acordo com a polícia, em um determinado ponto do trajeto entre João Pessoa e o local do crime, os dois suspeitos entraram em desacordo sobre o estupro das duas mulheres e o primeiro homem a ser preso, teria voltado para João Pessoa de moto e apenas o segundo suspeito, preso nesta terça-feira, seria o responsável pelo estupro das vítimas e assassinato de uma delas. A polícia não esclareceu se o segundo suspeito obteve ajuda de alguém, para posteriormente, incendiar o veículo e sair do canavial onde o carro foi abandonado.

Além das duas mulheres, um bebê de nove meses, filho de uma delas, também estava no veículo. A criança foi encontrada próximo ao local onde estavam as mulheres. Ele chegou a ser hospitalizado, mas foi liberado e passa bem. Segundo a polícia, a mãe do bebê, que ficou ferida, já saiu da UTI e lembra de tudo que aconteceu.

“A gente tem que considerar que eram duas mulheres, uma delas preocupadíssima com o seu bebê, acreditando que ele estava armado. Ela não viu (se ele estava armado ou não), mas não ia duvidar dele. Tem que considerar também que o suspeito, além de homem, tem uma condição física forte. Ele já havia agredido, ainda dentro do carro, fisicamente as vítimas. Inclusive ele as amarrou, enquanto ele estuprava uma. Colocou na mala, inclusive amarrada, e estuprou a outra”, disse.

A polícia chegou aos suspeitos fazendo um levantamento sobre pessoas que já tiveram envolvimento em roubos de carros. O primeiro suspeito a ser preso, que teria participado somente do roubo e foi encontrado no sábado (27), indicou quem era o outro homem envolvido no crime. De acordo com a polícia, houve maior dificuldade de encontrar esse segundo suspeito por conta do deslocamento constante dele. Ele tinha endereços em João Pessoa, Bayeux, Caaporãe Pedras de Fogo, na Paraíba, e em Igarassu e Itambé, em Pernambuco. Ele foi encontrado em um bar às margens da BR-101, no município de Igarassu.

O delegado Walter Brandão explicou que os presos confessaram o crime e disseram que estavam em um bar em Mangabeira VII no dia 20 e saíram de moto por volta das 17h com o objetivo de roubar carros. O delegado Marcos Paulo acrescentou que o suspeito dos estupros disse ter consumido álcool e usado cocaína antes de cometer o crime.

Ainda de acordo com a polícia da Paraíba, não houve sequestro no caso, como chegou a ser cogitado inicialmente. O delegado Felipe Ribeiro, titular da 9ª Delegacia Distrital, explicou que os dois presos vão ser indiciados por roubo duplamente qualificado, pela privação da liberdade das vítimas e por terem cometido o crime junto com outra pessoa.

O segundo suspeito a ser preso vai responder por todos os outros crimes e pode pegar até 110 anos de prisão, segundo Marcos Paulo Vilela. Conforme o delegado, além do roubo, ele vai ser indiciado por duplo estupro, dupla tentativa de homicídio duplamente qualificada (de uma das mulheres e do bebê) e homicídio duplamente qualificado.

A prisão do segundo suspeito aconteceu na cidade pernambucana de Igarassu. O homem foi conduzido para a Central de Polícia de João Pessoa. Ele já tinha passagem pela polícia pelos crimes de porte ilegal de arma, tentativa de homicídio e roubo de carros.

O delegado Marcos Paulo informou que o inquérito deve ser encaminhado para o Ministério Público até segunda-feira. Os suspeitos ainda estão detidos na Central de Polícia e o secretário de Administração Penitenciária Wagner Dorta é quem deve definir se eles vão ser encaminhados para o Presídio do Roger, a unidade que abriga presos provisórios em João Pessoa, ou para o Complexo Penitenciário de Segurança Máxima Romeu Gonçalves de Abrantes, mais conhecido como PB1.




Fonte G1 PARAIBA



Leia mais

Paraíba tem aval do TSE para revisar eleitorado em 98 municípios

Com a publicação do Provimento de nº10 da Corregedoria-geral Eleitoral, constante do Diário da Justiça Eletrônico desta quarta-feira (1º), pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), foram aprovadas as localidades a serem submetidas a revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos, pertinente ao Projeto Biometria 2015-2016, em todo o país.

O Provimento mantém a previsão orçamentária para o exercício de 2015 da Justiça Eleitoral, e inclui o custeio de revisões de eleitorado e a disponibilidade de equipamentos.

Na Paraíba forma deliberados, para passarem pela revisão eleitoral com coleta de dados biométricos, 98 municípios, a saber: Alagoa Nova, Alcantil, Algodão De Jandaíra, Amparo, Aparecida, Araçagi, Areia De Baraúnas, Areial, Assunção, Bananeiras, Barra De Santana, Barra De São Miguel, Bayeux, Boa Ventura , Boqueirão, Borborema, Cabaceiras, Cacimba De Areia, Cacimbas, Cajazeirinhas, Camalaú, Caraúbas, Caturité, Congo, Coxixola, Cubati, Cuitegi, Curral De Cima, Curral Velho, Desterro, Diamante, Dona Inês, Esperança, Guarabira, Gurjão, Imaculada, Itaporanga, Jacaraú, Juazeirinho, Junco Do Seridó, Lagoa De Dentro, Lagoa, Lastro, Livramento, Lucena, Mãe D’água, Marizópolis, Matinhas, Maturéia, Montadas, Monteiro, Nazarezinho, Olivedos, Parari, Passagem, Patos, Paulista, Pedra Branca, Pedro Régis, Pilões, Pilõezinhos, Pombal, Quixaba, Remígio, Riacho De Santo Antônio, Salgadinho, Santa Cruz, Santa Luzia, Santa Rita, Santa Teresinha, Santo André, São Bentinho, São Domingos De Pombal, São Domingos Do Cariri, São Francisco, São João Do Cariri, São João Do Tigre, São José Da Lagoa Tapada, São José De Caiana, São José De Espinharas, São José Do Bonfim, São José Do Sabugi, São José Dos Cordeiros, São Mamede, São Sebastião De Lagoa De Roça, São Sebastião Do Umbuzeiro, São Vicente Do Seridó, Serra Branca, Serra Grande, Soledade, Sousa, Sumé, Taperoá, Teixeira, Tenório, Várzea, Vieirópolis E Zabelê.

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, desembargador João Alves da Silva, informou que, na Paraíba, mais de 1/3 dos eleitores estão recadastrados com biometria; a meta do Tribunal Regional Eleitoral é revisar mais 916.713 eleitores, distribuídos em 26 Zonas, cobrindo 98 municípios, envolvendo 563 pessoas e utilizando 386 kits – equipamentos imprescindíveis a realização do projeto. “A revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos é sempre uma forma de assegurar a lisura das eleições”, comentou João Alves.



Fonte MaisPB



Leia mais

'Festa' comemora aniversário de processo que tramita na Justiça paraibana há 33 anos

Um processo que tramita há 33 anos na Justiça paraibana virou alvo de protesto no dia 12 de junho, quando advogados realizaram a 'festa de aniversário' do caso. O processo é referente a um acidente de trânsito ocorrido em 1981 em uma estrada entre João Pessoa e Natal, no Rio Grande do Norte, onde um homem morreu e a viúva pediu indenização de R$ 3,6 milhões, em valores atuais. O caso foi admitido no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) em 1982, mas até agora não chegou a um desfecho.

Segundo o advogado do caso, Levi Borges, a ação vem se arrastando na Justiça pelo fato do réu, que mora em Pernambuco, ter entrado com recursos para protelar o fim do processo e, com a condenação de indenização, ter acabado com o patrimônio pessoal para deixar de efetuar o pagamento.

“O TJPB fez a sua parte. A demora é ocasionada pelo réu, que condenado, deu fim a todo o seu patrimônio para não pagar a indenização. Desde a primeira condenação, que definiu a quantia a ser paga, ele informava à Justiça que iria pagar, mas depois era descoberto que ele não tinha mais patrimônio equivalente”, disse o advogado Levi Borges.

Ainda segundo Levi Borges, o réu foi condenado à prisão por três vezes, sempre por não ter pago a indenização, mas terminava conseguindo recursos contra as condenações. Atualmente, o processo se encontra em fase de conclusão, faltando apenas à identificação de um patrimônio do réu que seja equivalente a indenização em valores atuais.

“Estamos tentando encontrar um bem que seja compatível para que a indenização seja realizada e paga para a viúva da vítima. Não houve omissão, não houve falhas do TJPB, mas considero que a estrutura legal da Justiça brasileira proporciona intermináveis recursos para os réus condenados e isso atrapalha, causa morosidade e passe um papel de atraso na Justiça”, afirmou o delegado.

Segundo a juíza substituta da 3ª Vara Cível de João Pessoa, Silmary Alves, a sentença do processo saiu dois anos após a ajuizamento, mas a falta de recursos financeiros do réu vem fazendo com que o caso se arraste.

“O processo foi ajuizado e a sentença foi proferida dois anos após. O judiciário estabeleceu o valor a ser pago, mas não se encontrou patrimônio que possa saldar o crédito. Atualmente, esta se averiguando lotes de terreno que o réu possa ter para que o valor comece a ser pago, mesmo que não seja saldado em sua totalidade em um primeiro momento”, explicou a juíza.

Fonte Portal Correio



Leia mais