segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Polícia investiga possibilidade de crime passional ocorrido contra casal na BR 230

O crime bárbaro ocorrido contra o casal Guilherme Alves do Nascimento, 52 anos, e Tayza Kelly Lopes de Morais (27), ocorrido na tarde deste domingo, dia 07, por volta das 16h00, na BR 230, entre as cidades de Santa Luzia e São Mamede, chocou a região de Patos.

Informações repassadas pelo repórter Fábio Diniz, Rádio Arapuan, colhidas junto as autoridades que investigam o crime, relataram que o carro Chevrolet, modelo Celta, foi alvejado por disparos ainda em movimento. O veículo se deslocava em sentido Santa Luzia a São Mamede no momento do fato.

Guilherme Alves, que era tesoureiro da Prefeitura Municipal de São José de Espinharas, foi atingido por vários disparos de arma de fogo tipo pistola ponto 380. De acordo com relatos, foram cinco disparos. Elcenho Engel, delegado de Santa Luzia, está responsável pelas investigações do caso.

Tayza Kelly Lopes foi atingida por cerca de três disparos feitos, provavelmente, pela mesma arma que matou Guilherme Alves. As cápsulas da arma foram encontradas no asfalto da rodovia BR 230 e também próximo ao veículo que saiu da estrada após os disparos iniciais.

A polícia não descartou a possibilidade de crime passional e investiga também essa linha de raciocínio. Por redes sociais, centenas de pessoas lamentam o assassinato do casal. Guilherme era bastante conhecido na cidade de Patos e região e se relacionava bem com todos que o conheciam. Tayza também era muito querida.

O velório de Guilherme Alves acontece no Parque Jardim da Paz, Bairro Vila Mariana, às margens da BR 230, em Patos. O sepultamento está previsto para às 16h00. O corpo de Tayza Kelly está sendo velado na residência da mãe dela em São José de Espinharas onde também ocorre o sepultamento.






Fonte Jozivan Antero – Patosonline


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...