Facebook

Suspeito de matar marceneiro na PB afirma que vítima abusava de enteada

Suspeito de matar o marceneiro Ivanildo de Sousa na última terça-feira (19), um adolescente se entregou e confessou o crime. Ele namora a enteada da vítima e afirmou que a morte foi planejada devido aos abusos sofridos pela garota.

O garoto afirmou à polícia que Ivanildo abusava sexualmente da adolescente desde a sua infância, além de ter comportamento agressivo com demais familiares. Ainda segundo o adolescente, a mãe soube dos estupros mas não acionou a polícia ou buscou medidas para evitar.

De acordo com o delegado responsável, Danilo Orengo, a mãe vai ser acionada por omissão. A Polícia também busca o segundo envolvido no homicídio, já que duas pessoas invadiram a residência.

Entenda

Um marceneiro foi assassinado na última terça-feira (19) enquanto jantava em sua residência em São Sebastião de Lagoa de Roça. Dois homens entraram na casa e atiraram em Ivanildo, além de dar golpes de faca. Eles fugiram em seguida. O crime chegou a ser tratado como latrocínio, mas foi constatado que os suspeitos não levaram nada.







Fonte MaisPB


Tecnologia do Blogger.